Hamilton e Vettel doam objetos para leilão da FIA e da Cruz Vermelha contra Covid-19

motorsport.com

Já pensou em ter um traje completo de corrida autografado por Hamilton? Ou o macacão usado por outros campeões como Vettel e Alonso? Se você tiver dinheiro, isso pode ser possível. Na próxima semana, será realizado um leilão online com itens doados por pilotos e equipes da Fórmula 1 e outros campeonatos para arrecadas verbas para a luta contra a Covid-19.

O leilão, que recebeu o nome de #RaceAgainstCovid (Corrida contra a Covid), é organizado pela RM Sotheby's e tem o auxílio da Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha. Além das doações vindas das equipes e pilotos da F1, a FIA já deu  €1 milhão para a organização, cerca de R$ 5,6 milhões.

Leia também:

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

F1: Mercedes quebra silêncio dos motores e inicia teste em Silverstone para treinar procedimentos de segurançaRicciardo: F1 não precisa de ideia "bagunçada" de corridas de classificação com grid invertidoEx-companheiro de Alonso e Hamilton descreve espanhol como mais implacável e inglês mais educado

Entre os itens de destaque no leilão estão objetos doados por três campeões mundiais da F1: Lewis Hamilton, Sebastian Vettel e Fernando Alonso. O britânico doou um traje completo, formado por macacão, luvas e sapatilha, todas autografadas. Já Vettel ofereceu o macacão de sua vitória no GP de Singapura de 2019, enquanto Alonso colaborou com macacões de sua época na Ferrari.

A Ferrari ainda colocou mais dois itens para leilão: o macacão das vitórias de Charles Leclerc na Bélgica e na Itália, além de um dia de testes no simulador oficial da equipe em Maranello, enquanto a Mercedes doou também um traje completo de Valtteri Bottas.

Além de Hamilton e Vettel, objetos de outros pilotos foram doados para o leilão, entre eles o capacete e macacão de Damon Hill, com os quais ele venceu o GP da Austrália de 1995, além de macacões de Tom Kristensen, usados em sua última corrida no Mundial de Endurance (WEC) em Interlagos em 2014, quando corria pela Audi.

Outro destaque do leilão é o TF109-01, carro da Toyota que foi usado em um teste da temporada de 2009 e, posteriormente, se tornou carro de testes da Pirelli. Quem levar o modelo receberá o carro completo, com motor e câmbio.

"Desde o início da crise da saúde, a FIA e toda a comunidade do esporte a motor se comprometeu a combater a pandemia por meio de muitas iniciativas como a #RaceAgainstCovid", disse o presidente da FIA, Jean Todt. “Agradeço a todos os pilotos e equipes por suas contribuições, bem como à Fundação FIA por sua doação generosa”.

O leilão abre em rmsothebys.com no dia 15 de junho e será encerrado uma semana depois.

Tony Kanaan se emociona ao lembrar como Piquet e Senna mudaram os rumos da sua vida

PODCAST: Entrevista com Rubens Barrichello: os bastidores da carreira do recordista de provas da F1 

Your browser does not support the audio element.

Leia também