Hadji confia no Marrocos contra Portugal: “Não são aliens”

Mustapha Hadji enquanto jogava pelo Aston Villa. Foto: Mike Egerton/EMPICS via Getty Images
Mustapha Hadji enquanto jogava pelo Aston Villa. Foto: Mike Egerton/EMPICS via Getty Images

Hadji foi aquele jogador de futebol “cigano”, ou seja, atuou por clubes da França, Portugal, Espanha, Inglaterra, Emirados Árabes Unidos, Alemanha e Holanda. Agora como auxiliar do técnico Walid Regragui na Seleção do Marrocos, confia plenamente na sua equipe contra Portugal pelas quartas de final da Copa do Mundo.

"Tal como a Espanha, é uma equipe que gosta de ter a bola, mas tem um jogo mais direto, ataca de forma mais rápida. Tem jogadores de qualidade em todas as posições. Na zona ofensiva é impressionante, mesmo sem o Ronaldo a titular. Vão muito para as alas rapidamente, num nível muito alto, mas acredito que a parte forte de Marrocos é não preocupar-se em demasia com o adversário. Claro que o Regragui vai estudar Portugal, mas dá um foco importante à qualidade da própria equipe. Temos de respeitar Portugal, mas não podemos ter medo. Eles não são aliens. O único alien que vejo neste Mundial é o Kylian Mbappé! Marrocos tem as suas chances", disse para o portal “So Foot”.

Leia também:

Hadji logo na sequência reforçou o lado otimista. "Temos de ser otimistas, de acreditar que as semifinais contra França são possíveis - a equipa que para mim é favorita a par do Brasil. Temos de fazer as coisas passo a passo. Portugal, como a Espanha, tem um estilo de jogo que encaixa bem em Marrocos. Temos mais dificuldades contra equipas que apostam mais no físico, com a Alemanha. Vamos pensar em Portugal e veremos. Mas uma coisa é certa: Marrocos já teve sucesso neste Mundial", afirmou.

Se vencer Portugal, Marrocos pode fazer história e ser a primeira seleção africana da história a disputar a semifinal da Copa do Mundo. O vencedor destas quartas de final vai encarar a França ou a Inglaterra.