Haas defende encerramento da temporada em Abu Dhabi: “Atmosfera é diferente”

Redação GP

O GP de Abu Dhabi encerra o calendário da Fórmula 1 de forma ininterrupta desde 2014, porém, a falta de ação no circuito de Yas Marina virou alvo de reclamações dos fãs, que gostariam de ver a temporada encerrada no Brasil.

Porém, Günther Steiner, chefe de equipe da Haas, gosta do encerramento da temporada. Na visão dele, o fato do restante da temporada ter boas corridas transforma a mediocridade de outras provas em algo ruim.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Eu acho que é uma praça muito boa para encerrar a temporada. A corrida nunca é um grande show aqui por causa da pista, mas hoje o Lewis dominou, então não acho que foi um show ruim. Mas neste ano, algumas corridas foram muito interessantes e você sempre compara. Se algo é bom e o que vem a seguir é medíocre, acaba ruim", disse o chefe em entrevista ao site inglês ‘Crash.net’.

Romain Grosjean (Foto: Haas)


Para Steiner, que viu a Haas fazer a pior temporada de sua história, Interlagos até pode trazer emoção no ponto de vista esportivo, mas a atmosfera de show em Yas Marina é diferente.

"Eu não acho que é o lugar errado. Você gostaria de terminar a temporada no Brasil? Não muito. De um ponto esportivo, talvez sim, mas a atmosfera inteira é ótima aqui", completou.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo


O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.


Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.






Leia também