Gustavo Henrique revela que conhece David Luiz, do Flamengo, há anos: 'Meu primeiro ídolo na minha função'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Gustavo Henrique e David Luiz atuaram juntos pela primeira na vitória do Flamengo sobre o Bahia por 3 a 0, que aconteceu na última quinta-feira, em partida válida pela 32ª rodada do Brasileirão. No entanto, a dupla já se conhece há muitos anos.

Em entrevista à Fla TV, Gustavo Henrique revelou que assistia aos treinamentos de David Luiz quando os dois estavam no Vitória. De acordo com o camisa 2, o zagueiro foi seu primeiro ídolo na posição.

> Raio-X: saiba todos os detalhes dos 100 gols de Gabigol pelo Flamengo

- Nós dois somos de São Paulo. Eu fui morar em Salvador com três anos de idade. Ele (David Luiz) também foi jogador no Vitória. Na verdade, ele conheceu mais minha mãe, (eu) não tinha muito contato, via mais ele jogar. Foi meu primeiro ídolo na minha função porque, até então, eu jogava de meia, jogava no ataque. Quando eu fui para zaga, quando tinha uns dez/11 anos, eu já o havia no profissional - disse Gustavo, que ainda completou.

- Ele começou a se destacar no Vitória. Já via o David como um grande exemplo, que eu queria seguir. Na época, minha mãe vendia lanche na porta do Barradão, e ele comia lanche com a minha mãe.

David Luiz, por sua vez, conheceu a história apenas quando Gustavo Henrique a mencionou durante uma entrevista. O camisa 23 lembrou com carinho da mãe do companheiro de equipe e comemorou que a estreia dos dois como titulares juntos aconteceu justamente contra o Bahia, maior rival do Vitória.

- Na verdade, eu soube depois que ele deu uma entrevista e falou disso. Foi gratificante para mim saber a maneira que ele me admirava. Mas também saber que aquela senhora que estava na frente do Barradão, que fazia parte do nosso dia a dia, que estava ali com o maior carinho do mundo, trazendo as coisas de casa, feito com o maior amor. De alguma forma nos agraciando não só com os alimentos, mas também como algo de mãe para nós que estávamos longe da família, longe de casa.

- Então, foi gratificante na primeira vez que eu soube disso e aí quem era o Gustavo. Agora, depois de tantos anos, a gente ser coroado para jogar pela primeira vez junto contra o Bahia, numa “Bavi”. Então, foi gratificante na primeira vez que eu soube disso e aí quem era o Gustavo. Agora, depois de tantos anos, a gente ser coroado para jogar pela primeira vez junto contra o Bahia, numa “Bavi”. Quando ele mencionou na entrevista, eu já sabia quem era a senhora que fazia parte do nosso dia a dia, sabia que ela tinha um filho, mas não tinha essa visão de que o filho se tornaria esse grande jogador que é o Gustavo - completou.

> Veja e simule a tabela do Brasileirão

Durante o vídeo disponibilizado pela Fla TV (clique aqui e veja na íntegra), a mãe de Gustavo Henrique ainda enviou uma mensagem para o David Luiz. Assim, na sequência, o defensor lhe enviou uma camisa autografda.

- Eu falei para ele, quando a gente fez o tático, eu já falei: “vou realizar mais um sonho ao seu lado, você está realizando mais um sonho meu”. Quando eu cheguei no Flamengo, eu já tinha o Diego como ídolo e jogar ao lado dele, para mim, realmente, é a realização de um sonho. Só eu sei o quanto batalhei para chegar aqui - concluiu Gustavo Henrique.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos