Guitta fecha o gol e Corinthians bate o Pato por 1 a 0

Mesmo jogando no Ginásio Municipal Dolivar Lavarda, em Pato Branco, Paraná, o Corinthians conseguiu vencer, nesta segunda-feira, o Pato por 1 a 0, em jogo válido pela segunda rodada da Liga Nacional de Futsal. O grande nome da partida foi Guitta, goleiro do Timão, que, literalmente, não deixou nada passar.

Com o resultado, a equipe alvinegra foi a quatro pontos, assumindo a sexta colocação e ficando com a mesma pontuação do Magnus, Joaçaba e Copagril. Já o Pato, que ganhou na primeira rodada, cai para a oitava posição e permanece com três pontos.

O jogo

O primeiro tempo foi muito equilibrado e uma partida muito aberta. O Corinthians conseguiu criar mais oportunidades e foi recompensado aos 15 minutos. No lance, Wilsinho roubou a bola no meio de campo, puxou o contra-ataque pelo lado esquerdo e finalizou muito bem, rasteiro, na saída do goleiro para abrir o placar. O jogo estava 1 a 0 para os visitantes.

Após sofrer o gol, o Pato, que, apesar de sair perdendo, jogou bem, conseguiu aumentar o seu volume de jogo e criar boas chances para empatar, entretanto parou no goleiro adversário e na defesa do Timão.

No segundo tempo, o juiz perdeu um pouco o controle da partida e o jogo passou a ficar mais ríspido com entradas mais fortes das duas equipes. Arbitragem a parte, o Pato buscou equilibrar as ações pressionar o Corinthians, inclusive subindo a marcação, para tentar empatar o confronto.

Com pouco mais de onze minutos para o final da partida, o árbitro deixou de marcar um pênalti para a equipe da casa, que, no lance seguinte, levantou a sua torcida quase abrindo o placar com um chute da entrada da área. Na jogada da penalidade não marcada, Nenê colocou a mão na bola após o jogador do time paranaense tentar o cruzamento.

A pressão alta dos mandantes estava surtindo efeito, com algumas boas oportunidades de gol surgindo, entretanto, o goleiro Guitta jogou muito bem e foi uma verdadeira muralha, defendendo chutes rasteiros e altos, finalizações a queima rouba e todas as outras chances de alterar o placar criadas pelo Pato, que teve Diego como o jogador que mais finalizou na reta final do confronto.

Sem ter conseguido resultado no segundo tempo, a equipe paranaense passou a utilizar goleiro linha nos últimos dois minutos e meio, mas a primeira linha do Corinthians marcou com muita agressividade e evitou a reação. O Guitta teve uma chance de matar o jogo chutando da quadra de defesa, mas o defensor do Pato evitou o gol quase em cima da linha. Guitta ainda teve mais uma chance nos segundos finais, mas mandou para fora.