Leandro e Bruno, do KLB, se despedem de Gugu Liberato

Yahoo Vida e Estilo
Bruno, Natália Guimarães e Leandro no velório de Gugu Liberato (Léo Franco / AGnews)
Bruno, Natália Guimarães e Leandro no velório de Gugu Liberato (Léo Franco / AGnews)

Por Leandro Lima

Leandro e Bruno, integrantes do KLB, se despediram de Gugu Liberato nesta quarta-feira (28) na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Ele tem uma história gigante com o KLB e estamos abalados e solidários à essa família que está em um sofrimento gigantesco. Há um ano, praticamente, velei meu pai nesse mesmo lugar, então os últimos anos estão sendo um tanto quanto difíceis. O legado dele vai continuar e o carinho da população vai fortalecer ainda mais a família que precisa tanto’ disse Leandro ao Yahoo!.

Leia também

O cantor ainda comentou sobre a exibição da edição inédita do ‘Canta Comigo’ na noite desta quarta-feira (27). “Foi terrível ver o programa de ontem. Foi estranho. Ele estava vivo, vai continuar vivo sempre nos nossos corações, mas é estranho ver esses dois programas que faltavam para ir ao ar. Não estávamos revendo, era inédito e feriu um pouco mais a gente. Nosso último contato foi há um mês, na gravação da final do programa. O conheço há 20 anos, meu pai há muito mais e agora eles estão juntos”, concluiu Leandro.

Natália Guimarães, que acompanhava o marido, Leandro, lembrou dos momentos com Gugu. “Ele era incrível. Um cara que era muito simples, que te olhava de igual para igual, que prestava atenção no que você dizia, que se importava com a gente. Cresci assistindo aos programas dele e quando tive a oportunidade de estar perto, trabalhando com ele, foi uma escola.”

Bruno também lamentou a morte do apresentador. “O admiro d”esde criança como fã e com o KLB convivi com ele praticamente todo mês. É muito triste. A separação do físico é difícil e temos que aprender a lidar. Nos apegar à nossa crença de que dias melhores virão. Nossa estreia na televisão foi com ele”, pontua.

Morando nos Estados Unidos, Bruno decidiu não vir ao Brasil para o Velório. “Meu irmão foi prontamente ao hospital quando soube do acidente. Ele mora lá, minha mãe está lá com ele. O Kiko está totalmente abalado, muito triste”, disse Leandro.

Leia também