Guardiola sai em defesa de técnico do Chelsea: 'Precisa de tempo'

Técnico catalão defendeu comandante da equipe londrina (Foto:OLI SCARFF / AFP)


O técnico Pep Guardiola, do Manchester City, defendeu o inglês Graham Potter, comandante do Chelsea, após a goleada dos Citizens por 4 a 0 sobre os Blues de Londres no último domingo, em jogo que valeu pela terceira rodada da FA Cup, a Copa da Inglaterra.

Em entrevista após o jogo, o catalão deu um conselho para Todd Boehly, dono do Chelsea, ao afirmar que Potter precisa de tempo para se firmar e elogiou seu trabalho no Brighton, seu último clube. Apesar do bom início, o Chelsea venceu apenas oito vezes em 18 jogos sob o comando de Potter.

- O que eu diria para Todd Boehly é que dê tempo ao Graham Potter. Dê tempo a ele. Todo técnico precisa de tempo. O que ele fez no Brighton foi brilhante, mas nós (treinadores) precisamos de tempo na primeira temporada. Eu só não precisei de duas temporadas no Barcelona porque eu tinha o Messi - declarou Guardiola.

+ Com Cristiano Ronaldo na torcida, Al-Nassr vence com dois gols de Anderson Talisca

O Chelsea possui um histórico controverso de demissões de treinadores. Mais recentemente, Thomas Tuchel deixou o comando dos Blues mesmo após a conquista da Uefa Champions League em sua primeira temporada no clube. De acordo com veículos da imprensa inglesa, como o "Mirror", uma possível demissão de Potter não está descartada pela diretoria.