Guardiola diz que contratação de Gabriel Jesus é bom exemplo para City

Jogador foi até Nova Iorque por compromissos do City e aproveitou para falar do futebol na terra do tio sam.

O técnico Pep Guardiola sempre mostrou que ficou muito satisfeito com a contratação de Gabriel Jesus. Agora ele usou o reforço como exemplo do que o Manchester City deve fazer nas próximas janelas de transferências.

Guardiola quer que o clube continue a apostar em jogadores jovens: "nós temos que pensar em curto, médio e longo prazo. Nós estamos comprando a longo prazo. Esse é o motivo para Leroy Sané, Raz Sterling e Gabriel Jesus estarem aqui. Todos eles têm 20 anos. Exceto em um ou dois casos quando precisamos de experiência, a idade é tão importante", explicou em entrevista ao canal do clube.

Gabriel Jesus tem 19 anos e foi contratado pelo Manchester City no meio de 2016, pouco depois de um ano no Palmeiras. Ele ainda ficou até o final do ano no Verdão e se apresentou ao City em janeiro. Rapidamente ganhou destaque, mas se lesionou e só deve voltar a atuar em abril. Outros jovens, como os citados Sané e Sterling, são titulares absolutos no clube.                                
Guardiola explicou em quais casos pode contratar jogadores mais experientes: "Talvez nós possamos comprar um jogador de 28 ou 29 anos porque nós estamos com poucos opções em uma determinada posição e ele vai ficar conosco em três, quatro importantes anos. Mas claro, quanto mais jovem melhor", opinou.