Guardiola descarta jogo defensivo para segurar resultado na Champions: 'Vamos impor nosso jogo'

LANCE!
·1 minuto de leitura


Lutando para chegar nas semifinais da Champions League pela primeira vez com o Manchester City, o técnico Pep Guardiola descartou jogar de maneira reativa contra o Borussia Dortmund, nesta quarta-feira. Após vencer o jogo de ida das quartas de final por 2 a 1, o time inglês poderá empatar para avançar.

+ Veja a tabela da Champions League


Em entrevista coletiva pré-jogo, o catalão disse que os Cityzens seguirão sua proposta e tentarão impor seu ritmo de jogo na casa do time aurinegro.

- Temos que tentar executar o nosso plano. Não importa o que aconteceu no jogo de ida, temos uma chance no jogo de volta. Nossa ideia é ir lá fazer o melhor possível e fazer com que sintam que não vamos defender o que já temos. Queremos impor o nosso jogo para ganhar o jogo - disse Pep.

+ Veja como está a corrida pela Chuteira de Ouro na Europa

Questionado sobre o atacante Erling Haaland, Guardiola disse que o Borussia Dortmund não se resume só ao centroavante norueuguês.

- Analisamos o Dortmund como uma equipe, não apenas como um jogador. Conhecíamos sua qualidade. Tentamos fazer o que já fizemos muitas vezes para ganhar o jogo. Ganhamos a primeira, vamos tentar vencer de novo. Não sei o que vai acontecer, mas vamos tentar vencer.