Guardiola avisa que nunca treinará o Barcelona novamente

Os dias vitoriosos e até mesmo históricos que tiveram Pep Guardiola no comando do Barcelona não deverão voltar. Quem garante é o próprio treinador. Nesta terça-feira, na coletiva de imprensa pré-jogo da Liga dos Campeões, em Antes de o Manchester City enfrentar o Monaco nesta quarta pelas oitavas de final, o técnico foi categórico ao responder sobre a questão.

“Nunca voltarei a treinar o Barcelona. Minha etapa por lá já terminou”, afirmou Guardiola. Os catalães, com a confirmação de Luis Enrique de que irá deixar o cargo de técnico ao final da temporada, ainda buscam um substituto.

Falando do duelo frente ao Monaco, no qual os Citizens possuem vantagem pelo vitória por 5 a 3 na ida, o treinador espanhol descartou a hipótese de segurar o jogo devido ao saldo positivo e a possibilidade de se classificar com empate eu derrota por um gol de diferença, e promete seus comandados executando um jogo ofensivo na partida.

“O Monaco é criado para atacar, e meu time é criado para atacar. A melhor maneira de se defender é marcando gols. Quando há um time como o Monaco, que marca muitos gols, e você só pensa em se defender, você está matando a si mesmo. Seria um grande erro pensar apenas no que já fizemos e esquecer o que ainda precisamos fazer”, completou.