Guardiola admite que City não tem mais chances de título no Inglês

O Manchester City foi derrotado pelo Chelsea nesta quarta-feira, por 2 a 1, pela 31ª rodada do Campeonato Inglês. Com o resultado, a equipe ficou 14 pontos atrás dos londrinos, que lideram a competição. Após a partida, o técnico Pep Guardiola admitiu que sua equipe não briga mais pelo título nacional.

“O título da competição não é mais para nós, está entre Chelsea e Tottenham”, analisou o espanhol. A distância entre líder e segundo colocado é de sete pontos: 72 a 65.

Para Pep, a luta do City, a partir de agora, é por um lugar no G4, que leva à próxima Liga dos Campeões. Atualmente, sua equipe tem 58 pontos e está justamente em quarto, pouco à frente de Manchester United e Arsenal, que têm 54, e na cola do Liverpool, terceiro com 60.

“Agora nosso foco é ficar entre os quatro primeiros, na luta pela vaga na Liga dos Campeões”, resumiu o treinador, que faz sua primeira temporada comandado o Manchester City.

A expectativa dos Citizens, quando contrataram Guardiola, era de brigar por todos os títulos. Porém, até o momento, os resultados não são os esperados pela torcida e pela diretoria.

Sem chances no Inglês, a equipe já foi eliminada da Liga dos Campeões, pelo Monaco, e da Copa da Liga, pelo rival Manchester United. A esperança de conquista é a Copa da Inglaterra, na qual o clube está na semifinal e encara o Arsenal, no dia 23 de abril, em Wembley.