Grêmio vence o Santa Cruz e avança para a terceira fase da Copinha

·4 min de leitura


Na tarde desta quarta-feira (12), Grêmio e Santa Cruz se enfrentaram em partida válida pela segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2022. Com imposição ofensiva, o Tricolor Gaúcho venceu o rival por 2 a 0, com gols de Kevin e Kauan Kelvin, no estádio Zezinho Magalhães, em Jaú.

Agora, o Grêmio avança de fase e enfrentará o Novorizontino, que passou pelo Castanhal. Enquanto isso, o Santa Cruz está eliminado e agora foca em outras competições.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

GRÊMIO ALUCINANTE
Os primeiros 15 minutos de jogo foram todos do Grêmio. Logo nos primeiro movimento, o Tricolor Gaúcho levou perigo três vezes. Nas duas primeiras, Rubens mandou um chute rente à trave e acertou o travessão na outra. Em compensação, Gabriel Silva finalizou no canto para a defesa do goleiro.

Depois de pressionar e apertar a saída de bola do Santa Cruz, o Grêmio abriu o placar aos 9 minutos. Em erro da defesa pernambucana, Cuiabano roubou a bola e serviu Kauan Kelvin. O atacante não foi fominha e tocou para Kevin que, de bico, estufou as redes e colocou os gaúchos na frente.

SANTA TENTA RESPOSTA
Depois do gol sofrido, o Santa Cruz passou a sair mais para o jogo, enquanto que o Grêmio abaixou suas linhas e diminuiu o ritmo. Sendo assim, deu espaço para que o time pernambucano chegasse mais ao ataque. Em lance de lateral na área, Eddy conseguiu acertar a trave de Thiago Beltrame, enquanto que, logo depois, Antony fez lance individual e finalizou nas mãos do goleiro.

Do outro lado, o Grêmio respondeu em duas chegadas do volante Pedro Cuiabá. Em ambas, o jogador pegou mal na bola e virou o chute sair sem forças pelo lado do gol.

CHANCES DE LADO A LADO
A reta final do primeiro tempo foi muito movimentada, assim como todo o jogo. Pelo lado do Santa Cruz, em uma jogada de cruzamento na área, Felipinho ajeitou para Carlos que, de frente para o gol, mandou uma bomba para fora.

Em resposta à chegada do Santa Cruz, o Grêmio voltou a ser perigoso, mas dessa vez pelo alto. Depois de um desvio na primeira trave, Kaká tentou completar para o gol, mas cabeceou mal. Mais tarde, Gabriel Silva cruzou na medida para Kevin, que errou o alvo. Assim, o jogo foi em 1 a 0 para o intervalo.

FILME REPETIDO
Assim como foi no primeiro tempo, o Grêmio começou a etapa final não dando respiro para o Santa Cruz. Logo nos movimentos iniciais, Rubens recebeu na área, driblou William e o goleiro Thiago, mas acertou a trave na finalização. Pouco depois, em chute desviado de Gabriel Silva, Kevin quase fez o segundo.

Depois de tentar as duas primeiras vezes, o Grêmio chegou ao gol quando o relógio bateu na marca dos 5 minutos. Rubens recebeu pela direita da área e cruzou na cabeça de Kauan Kelvin. Livre na segunda trave, o atacante só completou para o gol.

GRÊMIO ADMINISTRA E CRIA PERIGO
No restante da etapa final, o Grêmio se mostrou dono da partida e administrou a posse de bola e o tempo. Mesmo assim, com as mudanças, o time gaúcho seguiu levando perigo ao gol defendido por Thiago. O goleiro do Santa Cruz apareceu bem em finalizações de Gabriel Silva, Rubens e Lustosa para evitar o terceiro gol.

Enquanto isso, mesmo com as mexidas do técnico Felipe Alves, o Santa Cruz não conseguiu assustar Thiago Beltrame. Sendo assim, as melhores chances vieram em um chute de primeira de David, que passou à direita do goleiro e em arremate de Lamarka, que o arqueiro espalmou, fechando o jogo em 2 a 0.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 2 X 0 SANTA CRUZ
​​​​​​​Local
: Estádio Zezinho Magalhães, em Jaú (SP)
Data/Horário: 12 de janeiro de 2022 (quarta-feira), às 17h15
Árbitro: José Guilherme Almeida e Souza (SP)
Assistentes: Diego Morelli de Oliveira (SP) e Everton Luiz Fernandes (SP)
Gols: Kevin (9'/1°T) (1-0), Kauan Kelvin (5'/2°T) (2-0)
Cartões amarelos: Pedro Cuiabá (Grêmio), Sapo (Santa Cruz)

GRÊMIO: Thiago Beltrame; Lucas Kawan (Velasco, aos 42'/2°T), Gustavo Martins, Gustavo Marins e Cuiabano; Pedro Cuiabá; Rubens (Zinho, aos 32'/2°T), Gabriel Silva (Lustosa, aos 32'/2°T) e Kaká (Ary Garcia, aos 42'/2°T); Kauan Kelvin (Hiago, aos 19'/2°T) e Kevin (Arthur Viana, aos 32'/2°T). Técnico: Luís Eduardo.

SANTA CRUZ: Thiago; Jadson, William, Cristiano (Sapo, aos 16'/2°T) e Thales; Vini, Carlos (Hugo, aos 32'/2°T) e Marcelinho (Felipinho, aos 27'/1°T) (David, aos 16'/2°T); Felipe Tenório, Antony (Lamarka, aos 0'/2°T) e Eddy (João Pedro, aos 32'/2°T). Técnico: Felipe Alves.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos