Grêmio paga dívida com Zé Roberto e lamenta exposição

MARINHO SALDANHA

PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - O Grêmio pagou R$ 64,1 mil a Zé Roberto, do Palmeiras, referente a multa por atraso em parcelas de sua rescisão de contrato. Na última sexta-feira (7), o valor foi repassado pelo clube ao atleta. Depois das notícias de penhora por conta de tal situação, o clube gaúcho lamentou a exposição por um problema considerado pequeno.

"Estamos averiguando o que aconteceu. É um valor irrisório para um clube de futebol. Não podemos nos expor à notícias por conta de algo assim", disse o vice jurídico do clube, Nestor Hein.

O Grêmio garantiu, na ultima semana, que não foi intimado sobre tal situação e que pagou as parcelas cobradas por Zé Roberto em ação na justiça. O valor pago na última semana se refere a multa por atraso nas parcelas.

Quando rescindiu seu vínculo com o time tricolor, em 2014, Zé fechou acordo para pagamento do valor em 10 parcelas. O clube gaúcho assegura que pagou oito delas em dia e duas com atraso.

Na petição entregue pelos advogados de Zé Roberto, consta que a terceira e quarta parcelas foram pagas com atraso. E as quinta e sexta não foram liquidadas. O Grêmio apresentará o comprovante de quitação à Justiça e advogados do jogador.

Zé Roberto jogou pelo Grêmio entre 2012 e 2014, disputando 120 partidas e com 15 gols. Depois de deixar Porto Alegre, ele assinou com o Palmeiras.

Leia também