Grêmio mostra poder de reação, arranca empate com o Cuiabá, mas segue no Z4 do Brasileirão

·4 minuto de leitura


A derrota por 2 a 1 sofrida para o Sport, na Arena Grêmio, ainda não foi bem digerida pela torcida. Entretanto, com o objetivo de deixá-la no passado, o Grêmio tinha a chance de reencontrar o caminho das vitórias nesta quarta-feira, também em casa, porém desta vez para o Cuiabá, pela 24ª rodada. Mas os planos não saíram conforme o planejado. Mesmo brigando muito em campo, o Imortal foi obrigado a recuperar-se no jogo ao ficar atrás no placar por duas vezes e conseguiu arrancar um empate em 2 a 2.

Com o resultado, a equipe comandada por Jorginho chegou aos 33 pontos, pulando para a 10ª colocação. Já o time comandado por Felipão, por conta do novo tropeço, segue no Z4, mais precisamente na 17ª posição, agora com 23 pontos.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

INÍCIO BASTANTE MOVIMENTADO

Empurrado pela torcida que marca presença nas arquibancadas da Arena, o Grêmio tentou impor sua força dentro de casa disputando cada espaço de campo. Entretanto, até meados dos 10 minutos, poucos foram os lances de perigo por parte do time gaúcho, deixando o goleiro Walter tranquilo até então.

Com o tempo passando, o ritmo do jogo acabou dando uma caída. Entretanto, até meados dos 20, o que manteve-se igual foram as poucas finalizações por parte dos dois lados, sendo as únicas duas com Campaz, porém sem sucesso em ambas por parte do colombiano.

CUIABÁ ABRE A CONTAGEM

Tentando aproveitar as chances quando tinha a posse de bola, o Cuiabá, em uma das raras vezes que chegou ao seu campo de ataque, conseguiu encontrar seu gol aos 22 minutos. Após uma bonita jogada passando nos pés de Clayson, Lucas Hernández e Jenison, o atacante aproveitou para fazer um cruzamento rasteiro encontrando Max, que sem marcação, bateu forte para o fundo das redes sem chances para Brenno.

Em desvantagem no duelo, o Grêmio voltou a imprimir velocidade obrigando o time de Mato Grosso a recuar. Com Campaz sendo o jogador mais acionado, as criações vinham pelo lado esquerdo do campo, porém sem êxito nos cruzamentos, o Imortal apostou mais nos chutes de fora como os de Alisson e Douglas Costa, porém o Cuiabá conseguiu segurar o resultado parcial até o término da etapa.

ALISSON IGUALA TUDO NA ARENA

Na volta para a etapa complementar, apenas Felipão foi quem optou por duas trocas colocando Churín e Ferreira nos lugares de Diego Souza e Campaz, respectivamente. E as mudanças surtiram efeito. Em jogada iniciada pelo próprio Ferreira, Rafinha foi acionado na frente e, em um cruzamento para o meio da área, colocou nos pés de Alisson que só teve o trabalho de mandar para o gol empatando o confronto.

Embalado pelo empate, o Tricolor colocou fogo no jogo. Até meados dos 20 minutos, a insistência por parte dos atletas do Imortal era nítida em campo, fazendo com que Walter seguisse atento a cada tentativa de finalização conseguindo fechar o gol quando exigido.

DOURADO VOLTA A FICAR EM VANTAGEM

Percebendo as poucas criações por parte de seu jogadores, Jorginho então recuou para seus suplentes. Em três mudanças, colocando Rafael Gava, Jonathan Cafu e Felipe Marques, os visitantes continuaram a sofrer pressão por parte dos donos da casa, quase sofrendo a virada na cabeçada de Churín, vendo a bola passar muito próximo da trave de Walter.

Porém os visitantes não desistiram. Sendo assim, aos 33, Marllon, antecipando-se à marcação de Ruan, conseguiu mandar de cabeça no cantinho do gol defendido por Brenno fazendo 2 a 1.

IMORTAL, VALENTE, BUSCA O EMPATE

Para quem pensava que o Grêmio iria sentir o gol, pensou errado. Minutos depois, aos 36, novamente ele, Alisson, tratou de igualar tudo na Arena, aproveitando cruzamento de Rafinha, conseguindo dominar a bola e mandar para o fundo das redes.

Nos momentos finais, com o confronto virando um ataque contra defesa, a equipe de Porto Alegre acabou não conseguindo criar jogadas reais de gol, dando a deixa para a arbitragem colocar um ponto final para frustração dos torcedores.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 2x2 CUIABÁ

Data e horário: 06/10/2021, às 21h30 (de Brasília)
​Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA-GO)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (FIFA-GO) e Bruno Raphael Pires (FIFA-GO)
VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (CBF-RJ)

Cartões Amarelos: Thiago Santos, 13'/1ºT; Alan Empereur, 21'/1ºT; Jorginho, 43'/1ºT; Lucas Ramon, aos 42'/2ºT

Gols: Max, 22'/1ºT (1-0); Alisson, 6'/2ºT (1-1); Marllon, 33'/2ºT (2-1); Alisson, 36'/2ºT (2-2)

GRÊMIO: Brenno; Vanderson, Ruan, Kannemann e Rafinha; Tiago Santos, Campaz (Ferreira, no intervalo) e Lucas Silva; Alisson (Jhonata Robert, aos 46'/2ºT), Diego Costa e Diego Souza (Churín, no intervalo).
(Técnico: Luis Felipe Scolari)

CUIABÁ: Walter; João Lucas, Marllon, Alan Empereur e Lucas Hernández; Auremir, Pepê (Rafael Gava, aos 19'/2ºT), Clayson (Felipe Marques, aos 19'/2ºT) e Camilo (Jonathan Cafu, aos 19'/2ºT); Max e Jenison (Elton, aos 46'/2ºT).
(Técnico: Jorginho)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos