Grêmio inicia semi do Gaúcho contra o surpreendente Novo Hamburgo

O Grêmio enfrenta o Novo Hamburgo, na tarde deste domingo, na Arena, às 16 horas (de Brasília), pela primeira partida da semifinal do Campeonato Gaúcho. O Tricolor de Porto Alegre espera conseguir um bom resultado para ter tranquilidade para a partida de volta, no outro final de semana.

Devido à sequência de jogos importantes, alguns jogadores vem mostrando cansaço muscular. O zagueiro Pedro Geromel, recuperado de lesão, e o meia-atacante Miller Bolaños, com dores musculares, são dúvidas para o confronto.

A tendência, porém, é de que os dois estejam presentes no jogo. Caso não atuem, o zagueiro Rafael Thyere deve ser o companheiro Kannemann na defesa. Já para a vaga do equatoriano, o provável substituto é o argentino Gastón Fernández.

O técnico Renato Portaluppi precisará dosar a situação de seus atletas, já que na próxima quinta-feira o Grêmio vai ao Paraguai, encarar o Guaraní, pela Libertadores. Depois, com intervalo de apenas três dias, decide a vaga na final no jogo de volta diante do rival deste domingo.

Líder da fase classificatória, o Novo Hamburgo está totalmente focado na partida. O técnico Beto Campos realizou treinamentos fechados durante a semana, mas o time que enfrenta o Grêmio deve ser praticamente o mesmo que venceu o São José na sábado passado.

A boa notícia é o retorno de João Paulo e Léo. Os dois ficam a disposição do treinador para o jogo. O Novo Hamburgo foi a grande surpresa da fase de classificação do Estadual, terminando na liderança, com sete vitórias em 11 partidas.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO X NOVO HAMBURGO

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre

Data: 16 de abril de 2017, domingo

Horário: 16 horas (de Brasília)

Árbitro: Diego Real (RS)

Assistentes: Elio Nepomuceno de Andrade Junior e Leirson Peng Martins (ambos do RS)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Ramiro, Maicon, Léo Moura, Miller Bolaños e Pedro Rocha; Luan

Técnico: Renato Portaluppi

NOVO HAMBURGO: Matheus; Renan, Júlio Santos, Pablo e Assis; Amaral, Jardel, Juninho e Preto; Branquinho e João Paulo

Técnico: Beto Campos