Grêmio 'desafoga' campanha na Libertadores com vitória no Gre-Nal

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·4 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Brazil's Gremio Pepe (R) celebrates after scoring against Brazil's Internacional during their closed-door Copa Libertadores group phase football match at the Beira Rio stadium in Porto Alegre, Brazil, on September 23, 2020, amid the COVID-19 novel coronavirus pandemic. (Photo by Alexandre Schneider / POOL / AFP) (Photo by ALEXANDRE SCHNEIDER/POOL/AFP via Getty Images)
Brazil's Gremio Pepe (R) celebrates after scoring against Brazil's Internacional during their closed-door Copa Libertadores group phase football match at the Beira Rio stadium in Porto Alegre, Brazil, on September 23, 2020, amid the COVID-19 novel coronavirus pandemic. (Photo by Alexandre Schneider / POOL / AFP) (Photo by ALEXANDRE SCHNEIDER/POOL/AFP via Getty Images)

Mais uma vez em 2020, o Grêmio sai de campo vitorioso no clássico frente ao Internacional, dessa vez pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores. Prologando o jejum do arquirrival no encontro, o Tricolor venceu por 1 a 0, gol marcado por Pepê, e chegou aos mesmos sete pontos do adversário na tabela do Grupo E.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

TRICOLOR MAIS ACESO

Apesar da ausência de chances mais claras de gol, pensando no estabelecimento da estratégia e maior proximidade da meta adversária, era o Grêmio quem parecia estar mais à vontade. Avançando de maneira organizada as suas linhas de marcação e tirando o espaço de nomes como Marcos Guilherme e Boschilia, o Imortal ditava o ritmo do confronto e levava maior grau de preocupação a Eduardo Coudet do que o Colorado aos nomes de Renato Portaluppi. Não à toa, até a reta final da primeira etapa, o Grêmio havia protagonizado as duas únicas finalizações com Alisson batendo na rede pelo lado de fora e por sobre o gol em lance onde recebeu passe de Pepê.

Leia também:

Foi somente em uma oportunidade que o ataque do Inter conseguiu efetivamente ludibriar a zaga adversária contando, especificamente, com um erro de Rodrigues na recomposição. Marcos Guilherme ganhou na disputa e fez o cruzamento onde Thiago Galhardo ganhou por cima, mas cabeceou fraco e não trouxe grandes problemas a Vanderlei.

MUDANÇA DE CENÁRIO

A frequência ofensiva e capacidade de reter a bola no ataque se inverteu no início do tempo complementar, principalmente com Saravia conseguindo ganhar os duelos individuais com Cortez e tendo campo para colocar dentro da área. Entretanto, a melhor chance da partida até então surgiu justamente na outra ponta com Boschilia cruzando perfeitamente e Thiago Galhardo cabeceando para Vanderlei realizar grande intervenção em bola que foi espalmada e saiu pela linha de fundo aos 12 minutos.

CRESCEU E GUARDOU!

Depois de ser acossado, parece que o time de Renato "acordou" no segundo tempo e passou a ser novamente dominante nas ações de ataque dentro do que havia feito na primeira metade do jogo com linhas altas e posse constante no ataque. E, depois de ter pelo menos três chances de marcar, o Tricolor saiu na frente quando Pepê recebeu perto da grande área, cortou pro meio e bateu colocado no extremo canto esquerdo de Marcelo Lomba aos 28 minutos.

RETA FINAL QUENTE

O contexto da partida foi modificado depois do gol onde o aspecto emoção ganhou contornos mais intensos tanto no ambiente como nas oportunidades de gol que aumentaram. Seja do lado do Inter e a necessidade de buscar a igualdade no voleio de Abel Hernández e na cabeçada venenosa de Musto bem como nos avanços de contra golpe do Tricolor onde Alisson, em batida cruzada, forçou Lomba a tocar na bola para afastar o perigo.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 0 x 1 GRÊMIO

Local: Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Data e hora: 23/09/2020 - 21h30
Árbitro: Patricio Loustau (ARG)
Assistentes: Ezequiel Brailovsky e Diego Bonfa (ambos ARG)
Cartões amarelos: Lindoso, Leandro Fernández (INT); Lucas Silva (GRE)
Gols: Pepê, aos 28'/2°T

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Saravia, Zé Gabriel, Victor Cuesta e Matheus Jussa; Musto, Rodrigo Lindoso (D'Alessandro, aos 31'/2°T), Boschilia e Marcos Guilherme (Leandro Fernández, aos 31'/2°T); Thiago Galhardo e Abel Hernández. Técnico: Eduardo Coudet.

GRÊMIO: Vanderlei, Orejuela (Ruan, aos 50'/2°T), Rodrigues, Kannemann e Cortez; Lucas Silva, Matheus Henrique e Darlan (Robinho, aos 36'/2°T); Alisson (Guilherme Azevedo, aos 44'/2°T), Pepê (Luiz Fernando, aos 36'/2°T) e Diego Souza (Isaque, aos 36'/2°T). Técnico: Renato Portaluppi.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos