GP de Toronto da IndyCar é cancelado devido à pandemia de coronavírus

AFP
O piloto francês Simon Pagenaud, atual campeão das 500 Milhas de Indianápolis, terá que esperar para defender seu título na Indy Toronto
O piloto francês Simon Pagenaud, atual campeão das 500 Milhas de Indianápolis, terá que esperar para defender seu título na Indy Toronto

A corrida de rua da IndyCar em Toronto, marcada para 12 de julho, não ocorrerá devido à pandemia de coronavírus, confirmaram os organizadores nesta segunda-feira.

A decisão foi tomada depois que autoridades municipais do Canadá retiraram licenças para grandes eventos em julho e agosto, em uma medida preventiva para controlar a propagação da doença.

Disputado em torno do Exhibition Place desde 1986, o evento foi removido do calendário da IndyCar sem uma nova data definida.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Os preparativos e discussões estão em andamento com a cidade de Toronto, o Exhibition Place, Honda Canada e IndyCar para explorar opções alternativas de datas para 2020", disseram os organizadores da corrida em um comunicado.

O francês Simon Pagenaud é o atual campeão do GP de Toronto e o atual campeão das 500 milhas de Indianápolis.

A temporada da IndyCar, adiada desde o início de março devido à pandemia, está programada para ser retomada em 6 de junho sem a presença de espectadores no Texas Motor Speedway em Fort Worth.

A Indianapolis 500, originalmente programada para domingo no famoso circuito oval de 2 1/2 milhas (4 km), foi adiado para 23 de agosto.

Existem apenas quatro finais de semana em setembro e outubro disponíveis para uma corrida remarcada de Toronto.

A última prova da IndyCar está programada para fechar a temporada, após 14 corridas, em 25 de outubro em St.Petersburg, na Flórida.

Leia também