GP de Long Beach da Indy é cancelado devido ao coronavírus

AFP
O atual campeão Alexander Rossi terá que esperar até 2021 para conquistar seu terceiro título consecutivo no GP de Long Beach depois que a prova foi suspensa devido ao novo coronavírus
O atual campeão Alexander Rossi terá que esperar até 2021 para conquistar seu terceiro título consecutivo no GP de Long Beach depois que a prova foi suspensa devido ao novo coronavírus

Apesar de suas tentativas de reagendá-lo para outra data em 2020, os organizadores do Grande Prêmio de Long Beach da Fórmula Indy tiveram que cancelar a corrida nesta quarta-feira devido à nova pandemia de coronavírus.

A prova, neste circuito de rua no sul da Califórnia, que seria realizada de 17 a 19 de abril, acontecia todos os anos desde sua primeira edição em 1975 na Fórmula 5000 e também em oito temporadas na Fórmula 1 entre 1976 e 1983.

"Nos últimos dias, buscamos ativamente a possibilidade de reagendar o GP em uma data posterior este ano", disse Jim Michaelian, responsável pela organização do evento em Long Beach.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Estamos muito decepcionados por não termos conseguido fazer algo para todos os nossos fãs leais e clientes valiosos", acrescentou. "Nosso foco agora será planejar o 46º Grande Prêmio de Long Beach entre 16 e 18 de abril de 2021".

O piloto americano Alexander Rossi, vencedor das 500 Milhas de Indianápolis em 2016 e vice-campeão da Indy em 2019, terá que esperar até o próximo ano para tentar obter a terceira vitória consecutiva em Long Beach.

Esta corrida se une às de São Petersburgo (Flórida), Austin (Texas) e Birmingham (Alabama) como as quatro que tiveram que ser canceladas ou suspensas por enquanto devido à pandemia.

O próximo evento que permanece na programação da Indy é o GP de Indianápolis em 9 de maio, com a 104ª edição das 500 Milhas de Indianápolis ainda agendada para o dia 24 de maio.

Leia também