Estadual vai parar: Governo de São Paulo suspende futebol até o dia 30

LANCE!
·1 minuto de leitura


O Governo de São Paulo anunciou no início da tarde desta quinta-feira, durante entrevista coletiva, a paralisação das partidas de futebol em todo o Estado a partir do dia 15, próxima segunda-feira. O Campeonato Paulista, que até aqui já teve a disputa de três rodadas, seguirá normalmente até a rodada do fim de semana. A fase emergencial vai até 30 de março.


A decisão contraria a Federação Paulista de Futebol (FPF), que na última terça-feira (9) se manifestou em defesa da continuidade dos jogos. Além de interromper o futebol, a medida anunciada por João Doria vem acompanhada do fechamento de escolas e igrejas em todo o Estado de São Paulo.


O fato repete o ocorrido no ano passado, quando o Estadual teve a paralisação decretada no dia 16 de março, conforme o alastramento da pandemia do novo coronavírus pelo Brasil. A competição só retornou em 22 de julho.

As conversas sobre a possível interrupção do futebol vinham sendo analisadas nos últimos dias, devido ao agravamento do quadro epidemiológico no Estado. A ideia ganhou força nessa terça-feira, quando o procurador-geral do Ministério Público de São Paulo (MP-SP) Mario Sarrubbo recomendou publicamente a Doria a suspensão de partidas de futebol e de atividades religiosas coletivas.

A partir de agora, São Paulo passará da fase vermelha para a fase roxa, a mais restritiva prevista no plano de combate à pandemia. A decisão foi tomada para conter o aumento substancial das mortes no país, que na quarta-feira (10), bateu seu recorde, com o número de 2.349 mortos em 24 horas.