Governo britânico abre as portas para retomada das competições no dia 1º de junho

AFP
A pandemia de coronavírus forçou a suspensão da Premier League
A pandemia de coronavírus forçou a suspensão da Premier League

As diretrizes publicadas nesta segunda-feira pelo governo britânico sobre o desconfinamento progressivo abrem as portas para a retomada das competições esportivas em 1º de junho, com portões fechados, o que tornaria mais fácil para a Premier League encerrar sua temporada.

A fase 2 do desconfinamento, que começará no início de junho, apenas se as estatísticas de saúde permitirem, planeja autorizar "eventos culturais e esportivos com portões fechados para transmissão (televisão, rádio e internet), evitando o risco de contato social em grande escala".

O retorno das partidas com presença do público nos estádios "só poderá ser possível muito mais tarde, dependendo da diminuição do número de testes positivos", afirmou o governo britânico em seu documento.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Esta é uma boa notícia para a Premier League, que está trabalhando no projeto 'Restart', que consiste em retomar os treinamentos na próxima semana e realizar os 92 jogos restantes da competição entre o início de junho até o final de julho, com portões fechados e em um número limitado de estádios.

Uma assembleia geral da Premier League será realizada nesta segunda-feira para discutir o projeto, que tem vários detratores.

As medidas anunciadas pelo governo britânico, no contexto de um desconfinamento progressivo, podem atrapalhar a intenção de retomada de outras modalidade esportivas, como o críquete e a Fórmula 1, devido a restrições aos deslocamentos internacionais.

O Reino Unido poderia impor um rigoroso isolamento de 14 dias a todas as pessoas que chegarem por via aérea em seu território, com exceção de uma "pequena lista" de países.

Leia também