Governador do Rio de Janeiro deve vetar projeto de lei que muda nome do estádio do Maracanã, diz site

LANCE!
·1 minuto de leitura

O projeto de lei do deputado André Ceciliano (PT), que propõe a mudança do nome do Maracanã de "Jornalista Mário Filho" para "Edson Arantes do Nascimento - Rei Pelé", tende a ser vetado pelo governador em exercício do estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC). De acordo com o "Esporte News Mundo", o risco de problemas na Justiça, devido ao estádio ser tombado desde 2000 pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional 

O projeto 3.489/21, de autoria do deputado André Ceciliano (PT), foi votado e aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) em regime de urgência no dia 10 de março. 

Leia também:

A relação do governador Cláudio Castro com o deputado André Ceciliano quase foi decisivo para que a mudança de nome tivesse andamento. Castro estava receoso de se indispor com o político do Partido dos Trabalhadores, que é o atual presidente da Alerj.

Na quinta-feira passada, o Ministério Público do Rio de Janeiro recomendou que o governador vetasse a alteração do nome do estádio. O principal argumento era evitar uma possível “violação ao patrimônio imaterial dos torcedores-consumidores”. O anúncio oficial pode acontecer ainda nesta quarta-feira.