Governador de Arizona abre as portas de seu Estado para o esporte pós-coronavírus

AFP
O governador de Arizona, Doug Ducey, durante encontro com o presidente dos EUA, Donald Trump, em Honeywell, Arizona, 5 de maio de 2020
O governador de Arizona, Doug Ducey, durante encontro com o presidente dos EUA, Donald Trump, em Honeywell, Arizona, 5 de maio de 2020

À medida que as ligas esportivas americanas debatem quando e como poderão retomar suas atividades após as suspensões causadas pela pandemia do coronavírus, o governador de Arizona, Doug Ducey, abriu as portas de seu Estado para que as competições tenham onde ser disputadas.

Ducey declarou na terça-feira (12) que as ligas profissionais poderiam retomar suas atividades, com limitações, no Arizona após sexta-feira (15), quando expira a ordem estatal de confinamento domiciliar.

"Conversamos com os líderes de algumas das ligas, e todos sabem que são bem-vindos para operar, jogar e atuar no Estado de Arizona", declarou Ducey em coletiva de imprensa. O governador afirmou que os esportes seriam praticados com portões fechados e as equipes teriam que seguir protocolos rigorosos de saúde para evitar uma nova onda de propagação do vírus.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Derrick Hall, presidente da equipe de basebol Arizona Diamondbacks, declarou ao jornal local "Arizona Republic" ter ficado "satisfeito de escutar os comentários do governador sobre a disposição do Estado em permitir eventos esportivos em um ambiente controlado".

Os proprietários e jogadores da Major League Baseball (MLB), a liga profissional de basebol norte-americana, vêm debatendo como poderão iniciar a temporada 2020.

De acordo com relatórios, os proprietários apresentaram aos jogadores uma proposta para começar a temporada no início de julho em estádios sem espectadores.

Resta saber se os jogadores irão aceitar ou recusar o plano apresentado devido às preocupações com a segurança e às desavenças sobre a remuneração diante de uma temporada mais curta.

A NBA (basquete) e a NHL (hóquei) suspenderam suas atividades em março e lutam para retomar as temporadas, que normalmente estariam se aproximando do fim.

A NFL, a liga de futebol americano, anunciou planos de começar sua temporada 2020 em setembro, como planejado, mas os preparativos de pré-temporada foram suspensos e as instalações das equipes foram fechadas por ordem das autoridades, que variam em diferentes Estados.

Leia também