Goleiro da Polônia comenta pênalti de Messi: 'Sabia onde ia bater'

Szczesny defendendo o pênalti cobrado por Lionel Messi, na Copa do Mundo (GLYN KIRK / AFP)


O goleiro da Polônia, Szczęsny defendeu um pênalti de Lionel Messi na derrota de sua equipe diante da Argentina nesta quarta-feira. Em coletiva após a partida, o atleta afirmou que precisava parar o camisa 10 da Albiceleste após ter cometido a infração que deu a chance do astro abrir o placar.

- Eu disse ao árbitro que toquei no Messi. Houve apenas um contato, mas não para pênalti. Posso dizer que eu sabia onde ele ia bater, mas não tinha certeza da altura. Mas foi bom, pois devia isso ao time.

Nessa Copa do Mundo, Szczęsny já defendeu duas cobranças de pênalti em três partidas disputadas. Antes do duelo contra a Argentina, o goleiro já havia sido decisivo contra a Arábia Saudita ao pegar um pênalti cobrado por Salem Al-Dawsari, autor de dois gols na competição.

+ Técnico da Argentina projeta mata-mata da Copa do Mundo

Apesar da derrota, a Polônia conquistou uma vaga às oitavas de final da Copa do Mundo com o segundo lugar do Grupo C. Neste domingo, a equipe de Robert Lewandowski encara a França, às 12h (horário de Brasília), mas a atual campeã do torneio chega com amplo favoritismo.