Goleiro da Chapecoense: "se quisermos a classificação, temos que vencer"

Artur Moraes acredita que vitória contra o Nacional-URU, em casa, é fundamental para o futuro do time na Copa Libertadores

Nem deu tempo de comemorar: logo após conquistar a taça Sandro Pallaoro no Campeonato Catarinense, a Chapecoense já precisa se concentrar em outra competição: a partida contra o Nacional-URU, pela Copa Libertadores, é tratada como decisiva na Arena Condá.

O goleiro da equipe, Artur Moraes, explicou a importância da partida: “o jogo é decisivo porque, se quisermos a classificação, temos que vencer amanhã. E é dessa maneira que vamos encarar o jogo. Sabemos que o jogo contra o Nacional exigirá um nível de concentração muito alto e precisamos apresentar o nosso melhor".

No momento a Chapecoense tem três pontos no Grupo 7 e está em quarto lugar, mas todas equipes da chave estão com a mesma pontuação. A diferença é apenas o saldo de gols. A outra partida do grupo acontecerá nesta terça-feira (18), entre Lanús e Zulia

Artur acredita que o título estadual foi uma grande motivação para a Chapecoense: “foi o primeiro objetivo nosso, na temporada. Mesmo porque representava muito para o Clube, para a cidade. A taça Sandro Pallaoro, pra nós, não poderia ter ido pra outro lugar além da Chapecoense”.

A partida entre Chapecoense e Nacional-URU, na Arena Condá, acontecerá às 21h45 (de Brasília), desta quarta-feira (18).