Gol contra define vitória do Operário-PR diante do Figueirense

LANCE!
·1 minuto de leitura


No Orlando Scarpelli, o Operário-PR derrotou o Figueirense por 1 a 0. Com o placar, o Fantasma chegou aos 26 pontos, na 11ª colocação. O Furacão é o 18º colocado, com 19 pontos.

Na próxima rodada, o Figueirense visita o Vitória, no Barradão. Enquanto isso, o Operário-PR recebe o Náutico.

O jogo

O Figueirense começou o jogo em cima. Com apenas 7 minutos, Elyeser e Erison, arriscaram de fora da área e assustaram o goleiro Thiago Braga.

Melhor em campo, o Figueira também assustava na bola aérea. Em cobrança de escanteio de Dudu, Alecsandro desviou e a bola beliscou o poste.

Na etapa final, o Operário-PR se abriu um pouco mais e tentou pressionar o Figueira, que adotava uma postura mais defensiva. Apesar do volume, o Fantasma não criava uma chance de fato.

A primeira oportunidade só veio aos 25 minutos. Na troca de passes da intermediária, Thomas Bastos soltou a bomba e Rodolfo Castro caiu para encaixar e segurar o placar zerado.

A pressão do Fantasma parecia insuportável ao Figueira e ela deu resultado aos 35. Primeiro, Alex Silva chutou e Rodolfo com a ponta dos dedos desviou a bola para o travessão e linha de fundo. Na sequência, o Operário-PR cobrou escanteio, Paulo Ricardo tentou afastar e jogou para dentro do próprio gol.

Com a bola parada forte, o Operário-PR quase ampliou em nova cobrança de escanteio. Thomas Bastos levantou e Fabiano desviou. A bola ganhou altura e quase morreu no fundo da rede.