Goiás x Corinthians: onde assistir, prováveis escalações e desfalques pelo Brasileirão

Goiás e Corinthians se enfrentam pela 32ª rodada do Brasileirão (Foto: Arte Lance!)


Goiás e Corinthians se enfrentarão pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro duas semanas após terem o jogo suspenso na data original. O motivo foi divergências em relação a realização do duelo com torcedores dos dois times.

+ Paulinho, Gerson… Listamos 10 brasileiros que estão com pouco espaço no exterior

Por conta do enfrentamento entre as torcidas de ambos os clubes envolvidos na partida na Marginal Tietê, horas antes da partida válida pelo primeiro turno, em São Paulo, no mês de julho, o Tribunal de Justiça de Goiás pediu para que somente a torcida mandante fosse autorizada no confronto pelo segundo turno. A solicitação foi acatada pela CBF, mas desagradou a direção corintiana, que considerou a decisão unilateral e que prejudicaria a equipe paulista, já que enfrentou os goianos na sua casa com setor destinado aos adversários, no primeiro encontro entre os times pelo Brasileirão.

O STJD revogou o pedido de torcida única na véspera em que aconteceria o jogo, em sua data inicial, mas no mesmo dia a justiça comum de Goiás voltou a determinar que a partida acontecesse com somente uma torcida. A decisão fez com que o STJD voltasse à pauta e decidisse pela suspensão.

Nas últimas semanas houve reuniões com representantes do Goiás, da Federação Goiana e de órgãos públicos do Estado que definiram normas para que o jogo remarcado tivesse a presença das duas torcidas envolvidas no elenco. Para isso, o estádio da Serrinha, palco do jogo, terá os arredores isolados a partir de seis horas antes da bola rolar, as caravanas de corintianos serão escoltadas pela polícia local desde a chegada em Goiânia e a comercialização só foi permitida a comercialização de um ingresso por CPF, mediante a identificação visual.

+ Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

Em campo, o momento do Corinthians é diferente. Na data original, o clube alvinegro entraria em campo com o time reserva, já que quatro dias depois jogaria a final da Copa do Brasil, contra o Flamengo. Agora com a derrota na decisão, o Timão vive dias de velório, mas sabe que tem como objetivo terminar o Brasileirão dentro da zona de classificação direta à fase de grupos da Libertadores no ano que vem. Então, agora o Time do Povo deve vir com força máxima, em relação ao que tem, já que são nove desfalques, a grande maioria por questões físicas. No total, são nove baixas: Balbuena, Xavier, Maycon, Paulinho, Renato Augusto, Ramiro, Adson, Gustavo Mosquito e Júnior Moraes. Sendo que desses, somente Ramiro não está entregue ao DM, mas, sim, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O restante está se recuperando de problemas físicos.

Do lado goiano, o técnico Jair Ventura, que passou pelo Corinthians em 2018, não terá o lateral Maguinho e o volante Auremir, suspensos. O zagueiro Caetano, que pertence ao Timão, não jogará por força de contrato. Sávio e Marquinhos Gabriel, que também já vestiu a camisa alvinegra, estão entregues ao departamento médico.

GOIÁS X CORINTHIANS
CAMPEONATO BRASILEIRO - 32ª RODADA


Local: Estádio Hailé Pinheiro (Serrinha), Goiânia (GO)
Data e hora: 29 de outubro de 2022, às 20h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (FIFA/BA) e Marcia Bezerra Lopes Caetano (RO)
Árbitro de vídeo: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (VAR-FIFA/MG)
Onde assistir: Premiere, tempo real do LANCE! e em áudio na parceria LANCE!/Voz do Esporte

GOIÁS
Tadeu; Diego; Lucas Halter, Reynaldo e Hugo; Matheus Sales, Caio Vinícius e Luan Dias (Apodi); Dadá Belmonte, Pedro Raul e Vinícius. Técnico: Jair Ventura.

DESFALQUES: Auremir e Maguinho (suspensos); Caetano (força contratual); Sávio e Marquinhos Gabriel (entregues ao departamento médico).

PENDURADOS: Dadá Belmonte, Danilo Barcelos, Lucas Halter e Matheus Sales.

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Bruno Méndez, Gil e Fábio Santos; Fausto Vera, Du Queiroz e Giuliano; Mateus Vital, Yuri Alberto e Róger Guedes. Técnico: Vítor Pereira.

DESFALQUES:
Ramiro (suspenso); Adson (lesão muscular na coxa esquerda); Balbuena e Renato Augusto (desconforto muscular); Gustavo Mosquito e Paulinho (ruptura do ligamento do joelho); Maycon e Júnior Moraes (recondicionamento físico); Xavier (tendinente no joelho esquerdo).

PENDURADOS:
Fagner, Balbuena, Giuliano, Adson e Giovane