Goiás vence lanterna Juventude e fica mais próximo de Sul-Americana

GOIÂNIA, GO, 05.11.2022 - Partida entre Goiás e Juventude, válida pelo Campeonato Brasileiro 2022, realizada no estádio da Serrinha, em Goiânia (GO), neste sábado. (Foto: Isabela Azine/Agif/Folhapress)
GOIÂNIA, GO, 05.11.2022 - Partida entre Goiás e Juventude, válida pelo Campeonato Brasileiro 2022, realizada no estádio da Serrinha, em Goiânia (GO), neste sábado. (Foto: Isabela Azine/Agif/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Goiás venceu por 1 a 0 jogo amarrado contra o lanterna Juventude neste sábado (5). O técnico do time goiano, Jair Ventura, mexeu para desembolar a intermediária e funcionou. Vindo do banco, o atacante Nicolas resolveu a partida na Serrinha, em Goiânia.

Com o resultado, o clube de Goiânia, na 13ª posição, ficou mais próximo da edição de 2023 da Copa Sul-Americana, da qual foi vice-campeão em 2010. Está a oito pontos do 15º colocado, Coritiba, que joga neste domingo contra o Flamengo e pode somar mais nove pontos. Mas ficou sem chances de chegar ao G8, após o América-MG golear o Red Bull Bragantino nesta 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com mais duas partidas na competição, o Juventude está confirmado na lanterna. Acabou oito pontos atrás do penúltimo colocado, Avaí, que empatou com o Santos também neste sábado.

O jogo na Serrinha encerrou o primeiro tempo quase sem chance de gol. Goiás e Juventude pouco fizeram para incomodar os goleiros adversários e o placar nulo seguiu para o intervalo.

Isso só foi mudar aos 36 minutos da etapa complementar. Nicolas recebeu cruzamento pela direita na segunda trave e cabeceou para o canto oposto, fazendo 1 a 0. O atacante veio do banco, por decisão de Jair Ventura, um minuto antes do gol.

O vice-artilheiro Pedro Raúl ficou sem balançar as redes, e viu o centroavante do Fluminense Germán Cano aumentar a distância na disputa da artilharia. O atacante argentino fez três gols contra o São Paulo também neste sábado.

Na próxima terça-feira (8), o Goiás visita o Fluminense no Maracanã. Na quarta (9), o Juventude recebe o campeão da Libertadores Flamengo em Caxias (RS).

*

GOIÁS

Tadeu; Lucas Halter, Reynaldo e Hugo; Auremir (Felipe Bastos), Caio Vinícius (Luan Dias) (Matheus Sales), Marquinhos Gabriel (Nicolas), Diego, Dadá Belmonte (Renato Júnior) e Vinicius; Pedro Raul. T.: Jair Ventura.

JUVENTUDE

Cesar; Moraes (Ruan), Paulo Henrique, Paulo Miranda e Vitor Mendes; Jean Irmer, Yuri (Elton), Jadson (Rafinha), Chico Kim (Capixaba) e Felipe Pires (Rodrigo Soares); Vitor Gabriel. T.: Celso Roth.

*

Estádio: Serrinha, em Goiânia (GO)

Árbitro: Edina Alves Batista (Fifa/SP)

Auxiliares: Daniel Luis Marques e Gustavo Rodrigues de Oliveira (ambos de SP)

VAR: Edina Alves Batista (Fifa/SP)

Cartões amarelos: Moraes, Jean Irmer e Vitor Gabriel (JUV); Diego, Auremir, Luan Dias e Hugo (GOI)

Gols: Nicolas, aos 36’ 1ºT (GOI)