TV Globo pressiona times do Brasileirão a vetarem transmissão de jogos do Athletico-PR, diz colunista

LANCE!
·2 minuto de leitura


De acordo com o colunista do UOL Rodrigo Mattos, o Grupo Globo enviou notificações aos clubes da Série A do Brasileirão para que estes vetem a transmissão dos jogos do Athletico-PR. O clube paranaense assinou o contrato com a Globo apenas para a TV Aberta e transmite suas partidas como mandante pela plataforma Twitch.

> Confira a tabela atualizada do Brasileirão 2020 e simule os resultados

O Athletico foi o único clube da Série A que não assinou o acordo com a Globo na TV Aberta e no Pay-per-view, entrando apenas na plataforma aberta. Em 2020, o CAP utilizou a "MP do Mandante" para vender seus direitos de transmissão do PPV para a empresa Live Move, que vem fazendo as transmissões do clube pelo Twitch. A Globo entrou na justiça contra as ações do Athletico mas, até agora, o Tribunal de Justiça do Paraná decidiu em favor do clube.

Em uma tentativa de impedir a transmissão do Athletico, a Globo notificou clubes da Série A dizendo que a difusão destas partidas geram "sérias consequências contratuais". Até agora, o Ceará, o Flamengo, o São Paulo e o Sport já afirmaram ter recebido o comunicado.

- A Globo continuará a tomar todas as medidas para coibir a ilegal conduta do CAP, mas, com base na longa parceria mantida com todos os clubes que disputam a competição e em particular com V. Sas., acredita que os clubes, e em especial o CLUBE, não compactuarão com essa evidente violação dos direitos exclusivos cedidos à GLOBO; e que agirão com diligência, tomando todas as medidas necessárias para impedir eventual transmissão de seus jogos pelo CAP, a fim de evitar as já mencionadas consequências da violação contratual - diz a notificação enviada pela emissora.

Ainda de acordo com Rodrigo Mattos, a Globo negou ter pressionado os clubes da Série A e disse que não comenta casos jurídicos que ainda estão sub judice.