Globo anuncia números da Covid-19 em plantão e web vibra com "deboche" a Bolsonaro

Yahoo Vida e Estilo
William Bonner divulga dados atualizados sobre a Covid-19 em plantão da Globo. Foto: reprodução/TV Globo
William Bonner divulga dados atualizados sobre a Covid-19 em plantão da Globo. Foto: reprodução/TV Globo

A famosa música da vinheta do plantão da TV Globo invadiu os lares brasileiros na noite da última sexta-feira (5) para informar os números atualizados sobre a pandemia do novo coronavírus. O boletim, apresentado pelo âncora do ‘Jornal Nacional’ William Bonner, interrompeu a exibição da novela ‘Fina Estampa', às 21h45, ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no InstagramFacebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentários.

“Nós dissemos que vocês [telespectadores] teriam esses números assim que eles fossem anunciados. E estamos aqui cumprindo o que nós dissemos”, afirmou Bonner.

Leia também:

O boletim foi encerrado em silêncio, após o apresentador manifestar solidariedade às famílias das vítimas fatais da pandemia.

Nas redes sociais, muitas pessoas enxergaram o plantão como uma espécie de “deboche” da emissora, já que o Ministério da Saúde passou a divulgar os números de casos confirmados de Covid-19 e de mortes oficiais em um horário que inviabiliza a cobertura do “JN”.

Na edição de sexta, o telejornal chamou a atenção para os atrasos e avisou que mudaria a forma de divulgar os dados. “O público saberá julgar se o governo agia certo antes ou se age certo agora. Saberá se age por motivação técnica, como alega, ou se age por propósitos que não pode confessar mais claramente”, alegou a emissora.

“Estratégia brilhante do governo Bolsonaro: trocaram uma matéria no ‘JN’, que a maior parte das pessoas nem prestaria atenção, por um plantão da Globo, que é basicamente as trombetas do Apocalipse. Não tem uma alma que não fique abalada só com a música”, comentou um telespectador no Twitter.

“Bolsonaro mandou atrasar o boletim de mortes por Covid pra não ter matéria no ‘Jornal Nacional’. Daí, assim que divulgam, a Globo vai lá e BOTA UM PLANTÃO DA GLOBO com o Bonner só pra isso”, observou outro.

“Se Bolsonaro não consegue governar sem arrumar confusão, então que aguente a revanche! Os números são tristes, mas a estratégia foi muito boa. Elevou o nível do deboche (risos). Bolsonaro não se preocupa com ninguém, só quer esconder o que a ‘gripezinha’ causou”, analisou outra usuária do Twitter.

Apesar de o Ministério da Saúde ter negado atraso proposital na divulgação dos dados e ter alegado um problema técnico, o próprio presidente Jair Bolsonaro fez referência ao telejornal da Globo, respondendo ao questionamento de um jornalista da CNN Brasil sobre a mudança. “Acabou a matéria para o ‘Jornal Nacional’”, respondeu, aos risos.

O chefe do Executivo chamou a emissora ainda de “TV Funerária”: “É para pegar o dado mais consolidado. E tem que divulgar os mortos no dia. Ontem, por exemplo, dois terços dos mortos eram de dias anteriores. Tem que divulgar o do dia”.

Leia também