Glamour Garcia adia redesignação sexual: “Não valida a minha cidadania”

Patrick Monteiro
·1 minuto de leitura
Glamour Garcia vai estrear peça em 2021 (reprodução / instagram @glamourgarcia)
Glamour Garcia vai estrear peça em 2021 (reprodução / instagram @glamourgarcia)

Glamour Garcia escolheu adiar a cirurgia de resdesignação sexual que faria no começo de 2021 para se dedicar a um projeto no Teatro. A atriz realizará uma montagem da peça ‘Caderno Rosa de Lori Lamby’, de Hilda Hilst.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

“A cirurgia é muito importante para mim. Mas, hoje em dia, eu como uma mulher mais consciente e empoderada, culta e vivida, tenho consciência de que não é este processo que valida a minha cidadania e vivência. A cirurgia tem que ser feita de uma forma muito coerente e com saúde”, disse a atriz em conversa com ‘Quem’.

Veja também

Glamour ainda ressalta que o adiamento se dá por conta de um projeto que tem de volta aos palcos. “Em março de 2021, estreio meu novo trabalho no teatro e ficou uma agenda incongruente. Não tem como eu me dedicar ao pós-operatório tendo uma temporada de espetáculo para estrear. Acabei optando por dar prioridade ao meu trabalho neste momento”, conta.

A atriz retorna aos palcos para atuar na peça ‘Caderno Rosa de Lori Lamby’, de Hilda Hilst. “Apesar de todas as dificuldades, 2020 me trouxe essa revelação de retornar ao teatro. Vou fazer o ‘Caderno Rosa de Lori Lamby’, de Hilda Hilst. Estou muito animada com a temporada e o que esse trabalho vai me trazer, como nunca estive em anos. Vou me dedicar muito a essa peça", conclui.