Gatito Fernández externa desejo de continuar no Botafogo à diretoria

Sergio Santana
·1 minuto de leitura


Mesmo rebaixado para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, o Botafogo pode segurar um dos destaques da equipe. Gatito Fernández avisou à diretoria, durante a última semana, que tem o desejo de permanecer no clube de General Severiano na próxima temporada, como informou primeiramente o "Canal do TF" e confirmou o LANCE!.

O paraguaio, com uma lesão de grau elevado no joelho direito, não entra em campo desde a partida contra o Vasco, pela Copa do Brasil, em São Januário. O problema físico foi intensificado quando o goleiro entrou em campo pela Seleção Paraguaia e ele já não joga há cinco meses, ficando de fora da reta final da temporada do Alvinegro.

Mesmo assim, o camisa 1 externou o desejo de continuar e ajudar o Glorioso a permanecer na Série B. Gatito Fernández, vale ressaltar, tem um dos maiores salários do elenco do clube de General Severiano.

Em conversa com Durcesio Mello, presidente do Botafogo, Gatito avisou sobre o desejo de continuar, se recuperar o mais rápido da lesão e, consequentemente, permanecer no clube para ajudar a recolocar o Alvinegro na elite do futebol brasileiro.

O goleiro, que atualmente anda com o auxílio de muletas, está sob os cuidados da equipe de fisioterapia do Botafogo, cuidando do problema no joelho. A expectativa é que ele retorne no decorrer do Campeonato Carioca, mas ainda não existe um prazo concreto para a volta aos gramados de Gatito.