Gasly sente que está em sua melhor forma na F1: "Tenho abordado o final de semana de modo diferente"

Adam Cooper
·3 minuto de leitura

Após uma forte exibição no GP de Portugal, terminando em quinto lugar, o piloto da AlphaTauri, Pierre Gasly, acredita que está em sua melhor fase na Fórmula 1. O francês precisou se recuperar de um incêndio em seu motor que obrigou a equipe a quebrar o toque de recolher da FIA para preparar o chassi reserva para o sábado.

Gasly acabou se classificando em nono e, após perder uma posição para Kimi Raikkonen na largada em Portimão, foi escalando o pelotão, ultrapassando Sergio Pérez para garantir o quinto lugar na penúltima volta.

Leia também:

Massa: Schumacher trabalhava mais, Hamilton tem mais talento Russell: rumores sobre Williams foram "alimentados pelo pessoal de Pérez" F1: Racing Point detona comissários por reprimenda dupla a Pérez em Portugal, que o deixam próximo de punição

O vencedor do GP da Itália é o nono no Mundial de Pilotos no momento, com apenas um ponto a menos que Alex Albon, da Red Bull.

"Acho que é justo dizer isso", disse quando perguntado pela Sky Sports F1 se estava em sua melhor forma. "Obviamente com um pouco mais de experiência eu acho que gerencio e abordo um final de semana de modo diferente, sempre tentando tirar um pouco mais".

"Ainda tenho que melhorar em muitas áreas, mas tudo está indo bem, e a equipe está fazendo todo o necessário para que eu tenha as melhores performances, então a nossa relação está ótima".

"Foi uma ótima corrida para nós, estamos em um momento muito forte. Terminamos em sexto na etapa anterior e quinto nesta, então estamos conseguindo tirar o máximo do carro aos domingos".

"Da minha parte, sinto também que estou pilotando em um ótimo nível. Vou continuar dando o meu melhor".

Gasly não tinha explicação para o motivo do bom ritmo de seu carro em Portimão.

"É uma boa questão. Eu não sei. Estávamos muito competitivos. Devo dizer que gostei muito da corrida. Foi muito divertida dentro do cockpit, e estou muito feliz por ver que conseguimos passar as Renaults, as McLarens e a Racing Point de Sergio".

"Especialmente após todo o trabalho que o pessoal fez na sexta, eles dormiram só uma hora e todos estavam esgotados após a reconstrução de todo o carro, então estou feliz por dar a eles mais um quinto lugar".

"Quando você mudar o chassi, sempre fica se perguntado para que lado o carro vai, se melhora ou piora. No final, parece que deu certo, e é sempre bom confirmar isso com um bom resultado".

A ultrapassagem de Gasly sobre Pérez veio após um movimento de bloqueio controverso do mexicano na volta anterior, que levou a uma reprimenda do piloto da Racing Point.

"Foi estranho. Não sei como pareceu do lado de fora. Eu preciso ver as gravações, mas a diferença de velocidade naquele momento era muito grande. Provavelmente eu estava a uns 30 km/h mais rápido que ele".

"Eu decidi ficar no lado de dentro e ele se mexeu no último momento. Cheguei a frear e pensar que ambos iríamos para a brita. Não sei como não rolou um contato. Fiquei muito bravo com ele e fui com tudo na volta seguinte, do lado de fora".

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

TOP-5: As maiores tretas entre campeões da F1

PODCAST: O mercado da F1 para 2021 e os 30 anos do bicampeonato de Senna

Your browser does not support the audio element.