Gasly e Tsunoda seguem na AlphaTauri em 2022

·1 minuto de leitura
O carro da AlphaTauri pilotado pelo japonês Yuki Tsunoda durante o GP da Holanda de F1 2021. (AFP/ANDREJ ISAKOVIC)

O francês Pierre Gasly, de 25 anos, e o japonês Yuki Tsunoda, de 21, continuarão como pilotos da AlphaTauri na temporada de 2022 da Fórmula 1, anunciou nesta terça-feira a equipe italiana.

“Consistência e estabilidade são fundamentais no início de uma nova era para a F1, com a introdução de um novo regulamento em 2022. A equipe acredita que a atual dupla será capaz de entregar bons resultados, tendo trabalhado bem juntos em 2021”, explicou AlphaTauri.

A temporada de 2022 pode ser importante para as equipes mais modestas, como AlphaTauri, contra as tradicionais Mercedes, Red Bull, Ferrari, McLaren ou Alpine, com a introdução de novos carros mais semelhantes em termos de competitividade.

"Pierre teve um bom desempenho como líder da equipe nesta temporada, ganhando um pódio (terceiro lugar no Azerbaijão) e ficando no Top 10 da classificação de pilotos (atualmente em oitavo)", acrescentou a equipe italiana.

"Yuki, o primeiro piloto japonês a marcar pontos em sua primeira corrida de Fórmula 1 (nona posição no GP do Bahrein no final de março), enfrentou com sucesso este novo desafio e continua seu aprendizado em sua primeira temporada como estreante."

Depois de chegar à F1 no final da temporada de 2017, na Toro Rosso (antigo nome de AlphaTauri), Gasly teve um período difícil na Red Bull no início de 2019.

Depois de se mudar para a Toro Rosso no meio da temporada, mais tarde conquistou três pódios, incluindo uma vitória no Grande Prêmio da Itália de 2020.

Em treze grandes prêmios em 2021, Tsunoda tem um sexto lugar na Hungria como o melhor resultado.

pel/chc/psr/lca

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos