Gasly diz que incidente com Stroll "poderia ter sido pior" e sugere spotters na F1

Redação GP
Grande Prêmio

Pierre Gasly tinha tudo para pontuar mais uma vez em seu retorno para a Toro Rosso na Itália, mas um incidente duplo acabou com suas chances. Sebastian Vettel rodou, voltou de qualquer jeito e acertou Lance Stroll, que rodou e também voltou de forma tumultuada para a pista, jogando Gasly na brita e quase no muro. No entanto, o francês preferiu focar em valorizar que Vettel e Stroll saíram ilesos após ficarem atravessados no traçado e sugeriu que a F1 tenha spotters.

Gasly explicou o incidente e admitiu que não esperava que Stroll voltasse sem ver quem vinha aparecendo na pista, por isso seguiu andando normalmente até ser jogado para fora.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Pierre Gasly acha que spotters seriam uma boa na F1 (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)



"Vi que ele estava parado na pista e, como era um ponto de alta, imaginei que ele fosse esperar e seguir ali. Quando ele sai daquele jeito, eu já estava passando, então fui parar na brita e quase no muro", disse.

Só que o francês não vê muita solução para lances assim a não ser deixar de rodar. Na verdade, Gasly acredita que seria bom ter spotters na F1 como na Indy ou na Nascar. Assim, alguém ditaria para os pilotos a situação do traçado em posições de risco.

"Foi o caso ali de que só não podia rodar porque não tinha muito o que fazer depois. O jeito que o carro da F1 é, o HANS, não tem muito como virar a cabeça toda. Infelizmente, ele não viu nada onde estava. Talvez seja o caso dos engenheiros entrarem dizendo "ok, fica aí, vai para lá". É uma corrida, você não quer perder tempo, mas poderia ter sido bem pior para ele, por sorte nada aconteceu. Não tenho uma solução completa ainda, mas sei que do jeito que está não é seguro", comentou ao site norte-americano 'Motorsport.com'.


Paddockast #33

10 ANOS DE SECA BRASILEIRA NA F1


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM





Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo


O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.


Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.







Leia também