Ganso cita problemas em adaptação, mas crê em sucesso no Sevilla

O meia Paulo Henrique Ganso não teve uma boa temporada de estreia no futebol europeu. No Sevilla, teve pouco espaço com o técnico Jorge Sampaoli. Aos poucos, porém, ele parece começar a embalar na Espanha, tendo sido titular nas duas últimas partidas, contra Granada, partida em que marcou duas vezes, e Celta.

Em entrevista ao site do clube, o ex-Santos e São Paulo garantiu que pretende cumprir o longo contrato que tem com o clube da Andaluzia. Seu vínculo é válido até 30 de junho de 2021. “Sim, quero cumprir. Como para muitos brasileiros, o primeiro ano é o mais difícil”, analisou.

Ganso ressaltou sua vontade de vencer com o Sevilla. “A adaptação não é fácil, mas espero continuar por aqui e fazer coisas maravilhosas no clube”, garantiu o camisa 19, que participou de apenas oito dos 34 jogos do Sevilla no Espanhol.

O meia, que chegou a ser criticado pelo próprio técnico do clube, chegou no meio de 2016 à Espanha, após deixar o São Paulo. Ele se tornou mais um brasileiro a defender o Sevilla. Apenas nos últimos anos, nomes como o volante Renato, o lateral Daniel Alves e o atacante Luis Fabiano, entre outros, passaram pela equipe.

Eliminado na Copa do Rei e na Liga dos Campeões, o clube tem 68 pontos no Espanhol, perto de confirmar vaga na próxima edição da principal competição europeia. A briga é pelo terceiro posto, com o Atlético de Madrid, que soma o mesmo número de pontos.