Galvão Bueno acredita que a pandemia influenciará na convocação da Seleção Brasileira

LANCE!
·1 minuto de leitura


O Brasil está está enfrentando uma alta nos números de infectados e mortes por conta do novo Coronavírus e esse momento grave pode influenciar na convocação da Seleção Brasileira, segundo o narrador Galvão Bueno. Para ele, até mesmo pela incerteza de voos internacionais para o Brasil, o técnico Tite pode montar uma equipe com jogadores que atuam no Brasil contra a Colômbia e Argentina.


>> Veja a tabela da Copa do Brasil


- Estamos vivendo o drama da pandemia no Mundo, vivendo dias horrorosos no Brasil, apesar dos negacionistas continuarem fazendo discursos absurdos. Então, estamos com voos suspensos de vários países com o Brasil. Quantos jogadores internacionais que estão sempre na Seleção Brasileira poderão não vir? Existe até uma discussão de um Seleção para essa retomada com jogadores daqui. Tem problema, sim - disse Galvão no programa "Bem, Amigos!", do SporTV, nesta noite.

- O Brasil enfrenta um momento terrível, com UTIs lotadas, falta de capacidade humana para atender, índices muito duros... Estamos vivendo um rebote das festas de fim de ano, em todos os níveis sociais, de verão, carnaval... Temos um jogo com a Colômbia no dia 26 lá, mas o time se apresenta aqui e tem que ir pra lá, e um jogo com a Argentina aqui. Então quando o Tite fala que Gerson está no radar, Claudinho, fala-se também de toda a dificuldade de apresentação... Estamos vivendo um momento terrível que vai refletir sim na convocação da Seleção Brasileira - completou.

Na premiação da CBF para os melhores do Brasileiro, Tite elogiou Claudinho, Edenílson e Gerson. Apesar da Confederação não confirmar a data, o site "ge" noticiou que a convocação da próxima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas acontecerá no dia 05 de março.