Galo fica em Arana e Borrero para encarar o Fogão, quarta-feira, 25

Valinor Conteúdo
·1 minuto de leitura


O Atlético-MG tem dia dias complicados, com baixas dentro de fora de campo por conta de um um surto de Covid-19, que já teve 26 casos confirmados no clube, incluindo 10 jogadores.

Escalar uma equipe está sendo um exercício bem complicado no Galo. E, além dos problemas de saúde do elenco, o time mineiro terá ainda menos atletas para duelo de quarta-feira, 25 de novembro, às 21h30, no Mineirão, pela 23ª rodada, contra Botafogo.

Guilherme Arana e Dylan Borrero não poderão jogar pelo alvinegro. O lateral levou o terceiro cartão amarelo no jogo com o Ceará. Já o meia foi expulso na mesma partida e também está suspenso.

Arana não tem um reserva no imediato no elenco. Logo, a solução poderá ser um jovem da base, ou ainda uma mudança no esquema tático para suprir sua ausência.

Já para o lugar de Dylan Borrero, a situação é menos complicada, pois há nomes como Nathan e Calebe, que podem exercer a mesma função do colombiano em campo.

A lista de atletas contaminados pela Covid-19 tem: Everson, Victor, Guga, Réver, Gabriel, Allan, Jair, Savinho, Vargas e Alan Franco. Há, ainda Mariano e Diego Tardelli fora, pois ambos estão lesionados. E, uma dúvida, já que Savarino recebeu forte pancada no segundo tempo, e deixou o campo mancando.

O técnico interino Leandro Zago, que deverá comandar a equipe contra o Botafogo, na quarta. terá muito trabalho para colocar os 11 titulares no gramado do Mineirão.