Gallardo melhor que Jesus? Argentino bate técnico do Flamengo em tradicional prêmio

Flamenguistas lembraram da final da Libertadores e questionaram prêmio dado a Marcelo Gallardo
Flamenguistas lembraram da final da Libertadores e questionaram prêmio dado a Marcelo Gallardo

Nesta última terça-feira, foram anunciados os vencedores do prêmio "Rei da América", do jornal uruguaio El País, honraria mais tradicional do futebol sul-americano. E um resultado em especial não agradou à torcida do Flamengo.

No prêmio de melhor treinador da América, o ganhador foi Marcelo Gallardo, do River Plate, pelo segundo ano consecutivo: justo o técnico batido por Jorge Jesus na final da Copa Libertadores da América. Na votação realizada por jornalistas, o argentino bateu o português com certa vantagem, tendo 216 votos, contra 133 do flamenguista.

É o segundo ano consecutivo que Gallardo sai com a premiação: a publicação aproveitou para compará-lo com o também argentino José Pékerman, que venceu três vezes a honraria. Outros nomes conhecidos que já foram eleitos como melhor treinador da América foram Telê Santana, Felipão, Edgardo Bauza, Óscar Tabarez, Reinaldo Rueda, Jorge Sampaoli e Tite.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O prêmio dado a Marcelo Gallardo causou críticas da torcida do Flamengo, que relembrou a final da Copa Libertadores; Veja algumas reações:

Leia também