Galatasaray quer Felipe Melo e Palmeiras pede Mariano em troca

Yahoo Esportes
Felipe Melo em visita ao museu do Galatasaray, onde ganhou oito taças (Arquivo pessoal/Instagram)
Felipe Melo em visita ao museu do Galatasaray, onde ganhou oito taças (Arquivo pessoal/Instagram)

Pode não ter passado de uma viagem de férias, mas a estada de Felipe Melo em Istambul dias atrás acabou rendendo ao volante uma proposta do Galatasaray. A ideia dos turcos é contratá-lo sem custos, mas o Palmeiras já recusou tal possibilidade.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM
SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O Blog apurou que o Verdão quer o lateral-direito Mariano para ceder seu volante em definitivo. Vale lembrar que a Mariano tem só mais seis meses de contrato no Galatasaray, o que poderia facilitar um acordo.

Leia também:

O Palmeiras ainda não tem a resposta dos turcos, até porque fez sua contraproposta nas últimas horas. A troca seria sem dinheiro para as duas partes, com os brasileiros assumindo 100% dos salários de Mariano, enquanto os turcos seriam responsáveis pelos vencimentos de Felipe Melo.

Embora não admitam publicamente, a diretoria do Palmeiras e o técnico Vanderlei Luxemburgo entendem que a saída Felipe Melo teria alguns benefícios, como a economia de quase R$ 10 milhões por temporada entre salários, direitos de imagem e luvas. O veterano também não tem a capacidade física que Luxemburgo vai exigir de seus meio-campistas em 2020. Até por isso, Luxa indicou recentemente Gregore, do Bahia.

Já Mariano poderia ser uma excelente alternativa para lateral direita que, na visão dos dirigentes, precisa de mudanças. Marcos Rocha e Mayke são considerados caros e têm rendido menos do que o esperado.

A busca por um lateral, inclusive, é antiga. Nos últimos dias, o Verdão negociou com o Ajax e mais recentemente com o Cruzeiro para ter o colombiano Orejuela. Com os holandeses, a ideia era compra-lo. Mas a Raposa adquiriu 50% dos direitos de Orejuela e agora pode emprestá-lo para o Palmeiras. O problema é a concorrência do Flamengo, que hoje tem maior capacidade financeira.

Veja mais de Jorge Nicola no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

Leia também