Gabriel Pires faz autocrítica sobre início no Botafogo: 'Longe da minha melhor versão'


Gabriel Pires precisou se adaptar ao futebol brasileiro para realizar seu sonho de jogar no Botafogo. Em entrevista exclusiva ao LANCE!, o meia fez uma autocrítica sobre seu início no clube e ressaltou que ainda não conseguiu atingir sua melhor fase.

+ Memes com a Argentina bombam na web após derrota para a Arábia; veja as zoeiras

- Chegar no clube com a temporada já em andamento não foi simples. Fiz de tudo para me adaptar o mais rápido possível e acabei terminando o ano em uma condição boa. Mesmo assim, estou longe da minha melhor versão.

+ Ao L!, Gabriel Pires revela motivo da escolha pelo Botafogo, analisa as críticas e relembra período na Europa

Gabriel Pires
Gabriel Pires

Foto: Vítor Silva/Botafogo

+ Após período curto de folgas, Botafogo inicia preparação para excursão na Inglaterra

Apesar da dificuldade no processo de adaptação, Luís Castro sempre acreditou no potencial de Gabriel Pires. Com as oportunidades oferecidas pelo treinador, o jogador conseguiu crescer de produção na reta final do Brasileirão.

- Minha relação com Luís Castro é boa, baseada em respeito e trabalho. Temos o objetivo comum de levar o Botafogo para o seu devido lugar, que é estar entre os melhores.

+ Botafogo alcança melhor média de público no Brasileirão dos últimos dez anos

Com Kross, Thiago Alcantra e Verrati de inspiração, Gabriel Pires espera evoluir na próxima temporada e conquistar títulos expressivos pelo Glorioso. O jogador pertence ao Benfica e tem contrato no clube alvinegro até junho do próximo ano, podendo ser renovado até dezembro.