Gabriel Martinelli, o 'xodó' dos ídolos brasileiros do Arsenal

Goal.com

Poucos brasileiros atuavam pela Premier League quando Edu e Gilberto Silva aportaram no Arsenal, no começo do século. Acompanhados do lateral esquerdo Sylvinho, que depois seguiu para a Espanha, os dois marcaram história no clube e hoje esperam ver essa conexão Brasil-Londres cada vez mais forte.

Em conversa divulgada pelo site oficial dos ingleses, os ex-jogadores conversaram sobre o desempenho dos brasileiros que atualmente integram o elenco dos londrinos. O destaque, é claro ficou para o atacante Gabriel Martinelli, contratado na metade do ano passado.

"Estou satisfeito que o Arsenal tenha jogadores brasileiros. Eu acho que é fantástico, depois que alguns jogadores brasileiros que nos seguiram não atingiram as expectativas, mas agora Martinelli e David [Luiz] estão no clube", disse Gilberto Silva, incluindo o já conhecido zagueiro na usa boa avaliação.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Como citado por Gilberto, a legião brasileira do Arsenal não teve grande desempenho desde a sua saída. Nomes como André Santos, Wellington Silva, Gabriel Paulista não deixaram saudade na torcida. O volante Denílson e o meia Júlio Baptista, mais antigos, tiveram boa passagem pelos Gunners.

Agora, David e Martinelli tentam recolocar o Arsenal como um clube que disputa títulos nacionais e internacionais. Em busca de uma vaga na próxima Liga dos Campeões, os jogadores voltam a campo nesta semana para a retomada dos jogos depois da parada pela pandemia da Covid-19.

"David fez a transição de um rival [Chelsea] e ingressou no Arsenal, um clube que não precisa de apresentações. E tem Martinelli, um jovem promissor, não apenas para o Arsenal, mas ele está sendo comentado no futebol brasileiro e começou muito bem. Ele está indo bem e mostrou sua coragem", avaliou Gilberto, reforçando sua admiração pelo garoto.

"Ele usava a camisa do Arsenal como se ainda estivesse jogando com seus amigos no clube anterior. Estou satisfeito por o Arsenal ter conseguido fazer o acordo e ele está em uma boa posição para seguir os passos de todos os jogadores brasileiros que o Arsenal teve", concluiu.

Leia também