Gabriel Jesus e mais dois brasileiros disputam o prêmio Golden Boy

A rápida adaptação ao Manchester City – foram precisos apenas dois meses -, fez Gabriel Jesus se destacar entre os jovens que atuam na Europa. Por isso, o camisa 9 de Tite foi listado e concorrerá ao prêmio de Golden Boy (Menino de Ouro) da temporada, dado pelo jornal italiano Tuttosport. O meia Gerson, da Roma, e o atacante Malcom, do Bordeaux, são os outros dois brasileiros na disputa.

Cinco jogos fez Jesus com a camisa do City para ser um dos favoritos ao prêmio – a boa fase na Seleção Brasileira e o ouro olímpico no Rio-2016 também favorecem o atacante. Ao lado dele, o goleiro Donnarumma, do Milan, o lateral Theo Hernández, do Atlético de Madrid e os atacantes Dembelé, do Borussia Dortmund, Rashfor, do United, e Mbappé, do Monaco, brigam no primeiro escalão. Com eles, e buscando o bicampeonato, está Renato Sanches, atualmente no Bayern de Munique, uma das principais revelações portuguesas.

Desde 2003 definindo e premiando as principais promessas do futebol europeu, o Golden Boy indicou 98 nomes nesta edição, um considerável aumento em relação aos 40 listados na temporada passada. Para chegar aos nomes que concorrem, 30 jornalistas dos principais jornais do continente, como o francês L’Équipe, o alemão Bild, o português A Bola e o espanhol Marca, trabalham na questão. Agora, uma eleição popular no site do periódico italiano determinará o grande vencedor da vez.

Os únicos brasileiros a conquistarem o troféu foram Anderson, em 2008, vestindo a camisa do Manchester United, e Alexandre Pato, no ano seguinte, atuando pelo Milan. O prêmio, dado apenas para atletas abaixo dos 21 anos, já teve Messi, Rooney, Fábregas e Aguero entre os vencedores. Nas últimas quatro edições, Pogba, Sterling, Martial e Renato Sanches, respectivamente, chegaram ao topo.