Futuro do São Paulo na Libertadores pode depender do Palmeiras e do Corinthians

São-paulinos vão precisar de um verdadeiro milagre para chegar na Libertadores (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)


O fracasso do São Paulo diante ao Internacional, na derrota da última terça-feira (8), colocou em xeque o futuro da equipe na busca por uma possível vaga na Copa Libertadores. Sem conseguir sair com os três pontos, o Tricolor segue na nona colocação, com 51 pontos. Para se classificar e terminar a temporada entre os oito primeiros lugares, pode depender de dois grandes rivais: Palmeiras e Corinthians.

ATUAÇÕES: Nestor tira chance de “redenção” de Igor Gomes em noite ruim do São Paulo

Veja tabela do Campeonato Brasileiro e simule os próximos jogos

O São Paulo tem somente um ponto de diferença do oitavo e do sétimo colocado, no caso, Atlético-MG e América-MG, respectivamente. A esperança para o Tricolor pode surgir já nesta quarta-feira (9).

O América-MG encontra o Palmeiras, no Allianz Parque. Se o Coelho vencer, o Tricolor não terá mais chances de alcançá-lo. Ou seja: precisará torcer a favor da equipe de Abel Ferreira, um dos seus maiores arquirrivais.

Além disso, o Atlético-MG também joga nesta quarta-feira (9), mas contra o Cuiabá, no Mineirão. Para uma maior segurança, precisa torcer pela derrota do Galo também.

Se isso correr como o esperado, ou seja, o São Paulo contar com a vitória do Palmeiras ou do Cuiabá, tem mais uma chance de conseguir alcançar a tão sonhada meta e voltar a disputar uma Copa Libertadores em 2023. Isso porque poderá se garantir no jogo que acontece neste domingo (13), contra o Goiás, na Serrinha - o último da temporada.

Mas mesmo assim, precisará seguir torcendo contra o Atlético-MG ou América-MG. Na última rodada do Brasileiro, o Galo enfrenta o Corinthians, enquanto o Coelho enfrenta o Atlético-GO. Então, mais uma vez, terá que torcer para a vitória de um dos seus maiores rivais.

O Palmeiras já é o campeão do Campeonato Brasileiro 2022, com 78 pontos. O Corinthians também já está garantido na Libertadores, estando na quarta colocação e com 64 pontos. Desta forma, as úncias preocupações devem ser as derrotas do Atlético-MG e do América-MG.