Funcionário do governo da Albânia é detido por ligação ao assalto à casa de Benzema em 2019

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Benzema também teve a casa assaltada neste ano (Foto: OLI SCARFF / AFP)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Um funcionário do governo albanês chamado Alfred Prodani foi detido por estar ligado ao "roubou com violência" de casas na Espanha, o que inclui a de Karim Benzema, do Real Madrid, em 2019. A informação é da imprensa da Albânia.

> Saiba quais times já aderiram à Libra e quem está na espera

Ainda de acordo com as informações relatadas pelos jornais do país da Península Balcânica, Prodani, que é diretor de uma empresa pública de águas na região de Kurbin, foi acusado de mais de 40 roubos na Espanha desde 2013.

Além disso, também foi reportado que Prodani foi detido com base em provas "contundentes" e "sem margem para erro". O líder do partido nacionalista da Albânia, Kreshnik Spahiu, o criticou.

> Veja a tabela da La Liga

- (Prodani) Rouba Benzema e o colocam como diretor. Se tivesse roubado o Messi, teria sido eleito ministro - ironizou Spahiu.

O episódio aconteceu no dia 27 de fevereiro de 2019, quando Benzema estava em campo no Santiago Bernabéu, diante do Barcelona, pelo jogo da volta das semifinais da Copa do Rei. Na ocasião, o Real Madrid perdeu por 3 a 0.

Vale lembrar que, em janeiro deste ano, Benzema teve a casa roubada mais uma vez. De acordo com o site "20 Minutos", a residência do atacante teve a casa durante o jogo do Real Madrid contra o Elche, válido pelo Campeonato Espanhol.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos