Francisco Dyogo, sobrevivente do incêndio, assina vínculo com o Flamengo: 'Sonho realizado'


Com passagem pela Seleção Brasileira de base, Francisco Dyogo assinou o seu primeiro contrato profissional com o Flamengo, na manhã desta quarta-feira. Aos 16 anos (recém-completados), o goleiro é um dos sobreviventes da tragédia do Ninho do Urubu em fevereiro de 2019 - cujo incêndio matou outros dez outros jovens.

Dyogo firmou o vínculo até fevereiro de 2023. Em seu Instagram, o garoto da equipe sub-17 do Rubro-Negro, comandada por Phelipe Leal, comemorou:

- Mais um sonho realizado na minha vida. Agradecer a Deus e minha família por ter me ajudado nessa conquista. Muito feliz em assinar meu primeiro contrato profissional - escreveu Francisco Dyogo, que mora no CT do clube.



A respeito de outros sobreviventes: Cauan Emanuel, que também já voltou a jogar e completou 16 anos há poucos dias, está perto de assinar um contrato profissional. Jhonata Ventura, por sua vez, ainda não retornou à rotina natural, já que tem feito apenas leves atividades físicas - cabe lembrar que ele teve 30% do corpo queimado e levou cerca de dois meses para ter alta do hospital.


Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também