Fortaleza vence de novo o Ceará e conquista o bicampeonato do Cearense

Futebol Latino
·2 minuto de leitura
Tinga comemora gol da vitória do Fortaleza (Kely Pereira/AGIF)
Tinga comemora gol da vitória do Fortaleza (Kely Pereira/AGIF)

Pela partida derradeira do Campeonato Cearense 2020, Fortaleza e Ceará jogaram na Arena Castelão e, assim como na ida, deu Leão do Pici. Vencendo dessa vez por 1 a 0, o time de Rogério Ceni conseguiu o bicampeonato estadual, repetindo o feito de 2015 e 2016.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

RECEITA IDÊNTICA

As duas equipes tinham como base de atuação a marcação com muitos jogadores próximos a região da bola e, no momento da retomada da posse, saída com velocidade para o plano ofensivo tentando aproveitar os espaços da defesa adversária. E quem conseguiu ser melhor sucedido nessa estratégia, pelo menos na etapa inicial, foi o Vozão que chegou com duas oportunidades de muito perigo onde tanto Vinícius como Rafael Sobis fizeram o travessão de Felipe Alves balançar com duas finalizações de extremo perigo.

Leia também:

Com a redução natural da condição física em manter as linhas altas de pressão, o Tricolor passou a ter menos dificuldades na hora de armar suas jogadas ofensivas e passou perto de marcar quando Romarinho escapou do corte de Tiago Pagnussat e tocou pro meio onde David receberia absolutamente livre pra tocar para as redes. Porém, no meio do caminho, Luiz Otávio interceptou de maneira precisa.

SE UM LADO NÃO APROVEITA...

Assim como já tinha acontecido na etapa inicial, o Ceará se valeu da velocidade pelos lados de campo para "espaçar" a defesa do arquirrival e criar duas chances incríveis antes dos 10 minutos no tempo complementar. Nas duas, a bola passou cruzando toda a pequena área da meta de Felipe Alves, mas Eduardo Brock e Vina não alcançaram na primeira além de Sobis não conseguir concluir na segunda. Momento de pressão do Alvinegro perante ao Leão do Pici.

Exatamente dentro da sua característica de saída rápida, o Fortaleza se mostrou mais eficiente na conclusão que o Vozão e deixou a dianteira no agregado que já era interessante ainda mais sólida. Depois de enfiada boa para David, a bola girou nos arredores da grande área e Yuri César bateu para o desvio de Pagnussat que bateu no travessão de Fernando Prass. Na volta, ela ficou viva e o lateral-direito Tinga bateu com força pra estufar as redes do rival aos 15 minutos.

ADMINISTROU E COMEMOROU

Podendo tomar até dois gols que seguiria como campeão, o Tricolor soube utilizar o tempo a seu favor e, também contando com a queda física do seu oponente, conseguiu manter o marcador até o apito final que decretou a equipe como campeã do Cearense 2020.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube