Fortaleza promove live para comemorar conquista histórica do Campeonato Cearense de 2015


Mesmo em tempos de distanciamento social, o Fortaleza encontrou uma maneira criativa de comemorar o quinto aniversário do título do Campeonato Cearense de 2015, um dos mais emocionantes de sua história. O Leão do Pici promoverá neste domingo a Super Live #CassianoDay que terá a participação de ex-jogadores, cantores e humoristas.

O nome do evento é dado em homenagem ao ex-atacante tricolor Cassiano, autor do gol do que rendeu ao Fortaleza seu 40º título estadual. Na época, o time jogava pelo empate após vencer o jogo de ida da final por 2 a 1. O Fortaleza até abriu o placar, mas levou a virada aos 45 minutos do segundo. Foi quando a estrela do jogador brilhou e fez Cassiano balançar as redes nos acréscimos e confirmar a taça.

A comemoração terá início às 13h, na TV Leão. Às 16h, a TV Diário retransmitirá na integra a partida final do campeonato e, logo após o jogo, a comemoração continuará na TV Leão até às 20h. O evento contará com atrações musicais como Tony Guerra e a Banda Maximize-se, além da presença dos humoristas Aluísio Jr e Papudinho. Alguns atletas que estiveram na conquista do título como Corrêa, Lima, Everton, Adalberto, Tinga e o próprio Cassiano também vão participar.

A live #CassianoDay será uma oportunidade para a torcida do Leão ajudar na arrecadação de fundos para a manutenção das categorias de base, futebol feminino e funcionários do clube. O ingresso tem valor simbólico de R$ 5 e pode ser adquirido acessando o site http://leao1918.com.br.

'A iniciativa partiu de uma provocação do presidente Marcelo Paz, que viu a notícia de um jogo virtual realizado na quarta divisão alemã e nos pediu para criar algo neste sentido. Fizemos uma mistura deste estilo com a exibição de um jogo marcante para a torcida do Fortaleza, alinhado à live com a venda de ingressos simbólicos. É algo que as pessoas tem gostado de assistir e que não temos, normalmente, tempo para fazer', explica o diretor de marketing do clube, Marcel Pinheiro.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também