Formatação da 35ª rodada do Brasileirão dá 'privilégio' ao Fortaleza

Palmeiras e Fortaleza se enfrentam nesta quarta-feira no Allianz Parque (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)


Em meio a disputa por uma vaga na próxima edição da Libertadores, qualquer tipo de vantagem existente, mesmo que seja somente no aspecto temporal, pode ser utilizada como ocorrerá para o Fortaleza pensando na 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

>Palmeiras tem Fortaleza como 'pedra no sapato' de Abel Ferreira

Na formatação anterior, o Leão do Pici já teria o privilégio de saber, com antecedência, o marcador de São Paulo x Atlético-MG, marcado para a próxima terça-feira, às 21h45 (de Brasília), no Morumbi.

Enquanto o time mineiro é o sétimo colocado com 51 unidades, os paulistas estão em oitavo, com 50, apenas dois pontos à frente do Fortaleza. Ambos ocupam postos que, com os títulos recentes do Flamengo, disputariam a fase eliminatória anterior aos grupos do principal torneio continental em 2023 por conta da ampliação do habitual G6 para G8.

Todavia, com o adiamento do confronto com o Palmeiras na próxima quarta-feira (2) para às 21h30, o time de Juan Pablo Vojvoda também terá a chance de ver Athletico-PR x Goiás, partida onde o Furacão é concorrente direto do Fortaleza com seus 51 pontos e em sexto na tabela de classificação.

Para o duelo no Allianz Parque, a boa notícia no tricolor fica por conta de Lucas Sasha, nome que gerou preocupação ao deixar o campo mais cedo frente ao Coritiba por conta de uma concussão ao se chocar com o árbitro Flavio Rodrigues de Souza.

Apesar do quadro de vômito no banco de reservas Arena Castelão ter gerado certa preocupação, Lucas foi monitorado no hospital antes de receber alta e ser autorizado a integrar a delegação que viaja para a cidade de São Paulo.