Fora do Desimpedidos, Bolívia fala ao L! e conta detalhes inéditos do seu novo 'BTS' no canal Camisa 21

Ricardo Guimarães
·5 minuto de leitura


Mesmo sem demostrar a expressão facial, Bolívia virou sinônimo de carisma no Youtube, conquistando milhões de visualizações no 'Desimpedidos'. Tudo isso, porém, acabou no fim de fevereiro quando ele anunciou nas redes sociais que estava deixando o canal. Apesar do adeus, Bolívia não deixa a NWB, produtora do canal. Muito pelo contrário. O youtuber falou com exclusividade ao LANCE! e deu detalhes inéditos sobre o seu novo canal: o 'Camisa 21'.

+CONFIRA OS CONFRONTOS DA UEFA CHAMPIONS LEAGUE

O 'Bolívia Talk Show' começou em julho de 2014 e permaneceu até o fim com o mesmo formato. Em 230 programas, o BTS recebeu nomes de peso do futebol mundial como Pelé, Romário, Thomas Muller e Kaká. Bolívia contou ao L! que a ideia de mudança partiu da NWB que gostaria de ter um canal com conteúdo para quem gosta da resenha e do papo de torcedor.

- Foi a própria NWB que chegou com o projeto do 'Camisa 21', que ainda não tinha nome. O nome foi sugestão minha porque eu, quando jogava, gostava de usar a 21, gosto desse número... E a gente está no ano 21 e fizemos uma live no dia 21, domingo, para inaugurar o canal - disse Bolívia.

- A ideia da NWB foi pegar esse público que gosta mais desse conteúdo e levar ele pro 'Camisa', claro que tem gente que gosta dos dois e o 'Desimpedidos' continua com muito sucesso e visualizações, está tudo ótimo... Mas eles chegaram com esse projeto exatamente para fazer uma parada nova. Eu curti e começamos a pensar - completou.

NOVIDADES NO FORMATO DO BTS
Agora no 'Camisa 21', o BTS permanece, porém repaginado e mais dinâmico. O Talk Show virou Trailer Show e será feito em um Motorhome, uma espécie de casa sobre rodas, que vai rodar pelas ruas de São Paulo e de outros estados. O apresentador contou com a ajuda de Rodrigo Magal, ex-diretor do 'Porta dos Fundos', para dar uma nova cara ao quadro.

- Já tínhamos três programas desenhados e o Magal chegou com o motorhome que foi ideia dele, de o BTS virar o Trailler Show. A gente adesivou (o automóvel com) 'BTS' coloridão - lembra, destacando que a pandemia de Covid-19 e as restrições de circulação em São Paulo afetaram o planejamento do canal.

- Nossa ideia lá atrás, imaginando que a pandemia ia se resolver aos poucos, era usar como um estúdio móvel com uma parada itinerante, mesmo com a gravação em São Paulo vamos mostrar o rolê - destacou.

PRIMEIRO CONVIDADO E BRINCADEIRAS INÉDITAS
Bolívia revelou o nome do primeiro convidado do novo BTS e explicou que o programa irá 'se aprimorar com o tempo'. Nesta primeira edição, que vai ao ar, nesta quinta-feira, o canal precisou promover mudanças para respeitar os protocolos contra a Covid-19.

- Tínhamos uns nomes bem legais já combinados, mas por conta da pandemia caíram as gravações. A gente conseguiu fazer com o Benja (Benjamin Back, apresentador do SBT) e fora do Motorhome dessa vez. Não usamos o interior. Então quinta-feira vai pro ar o primeiro BTS que está legal pra c... Quando pudermos explorar o motorhome novo, vamos gravar na cozinha, na ala, na cama... Vai ter o quadro 'Na Cama Com o Bolívia'. A gente pode fazer um churrasco, encontrar os inscritos, viajar para o Rio de Janeiro! Podemos fazer o que quisermos - disse.

NOVO FORMATO E EXPECTATIVA PÓS-PANDEMIA
- O programa deixou de ser uma entrevista de perguntas e respostas. A gente faz a pergunta, falamos do tema usando ações e fazendo brincadeiras onde o convidado participa e joga. O Benja participou de quadros que lembram o SBT, então um deles vai ser o 'Para Quem Você Tira O Gorrinho', não é uma entrevista clássica. No final eu e Benja vamos tocar 'Iron Maiden' - revelou.

- O do Benja é só o primeiro, por que com certeza depois que a coisa acalmar um pouco o programa vai ficar muito melhor. A gente vai começar o canal em um momento muito difícil, de muitas restrições, então o canal vai ganhar corpo com o tempo. Os três programas que a gente vai começar é o start. depois tem infinitas possibilidades, então o canal com certeza vai ficar melhor ainda - disse, destacando a expectativa pelo programa em um formato sem restrição.

- O mais legal vai ser o BTS novo. Vai ser legal como a gente imaginou quando puder circular. Vamos dar um jeito de gravar seguindo todos os protocolos, todo mundo da equipe é sempre testado, um dia antes. Estamos muito ligados nisso, mas acho que ele vai ficar mais legal depois, justamente porque vai abrir um mundo de possibilidades - revelou.

NOVOS QUADROS E NOVOS APRESENTADORES
- No BTS teremos também outros quadros. O TacoxTaco que vai ser reação dos jogos na rodada de quara a noite em uma live e dos gols que vão acontecendo e a gente vai assistir o jogo. Enquanto isso vamos jogar uma partida de sinuca: eu e o Magal com uma dupla de convidados. o 'Timelixo' é a gente reagindo as coisas mais surreais que a gente encontra na timeline do Twitter, comigo, o Magal e outros apresentadores.

- Com certeza vai ter mais apresentadores, seria legal ter uma apresentadora, mas não tem nada certo. O que temos de mais recente é o motorhome, o carro. Agora, de apresentadora a gente está dando uma olhadinha no que pode acontecer. Mas com certeza vai vir mais gente.

PRINCIPAL DESAFIO DO NOVO CANAL
- O desafio maior é ter um lugar ao sol hoje em dia com tantas opções, diferente do Desimpedido lá atrás.. E a vantagem que a gente já tem um publico, já tem 100 mil antes de começar.

PROGRAMA SEM MÁSCARA?
- Eu estou no mesmo lugar, na mesma produtora e na mesma casa, só mudei de quarto. Não passa pela minha cabeça fazer nada sem a mascara porque o proposito de tudo é o Bolívia, Já se criou essa parada e isso nunca me passou pela minha cabeça, de jeito nenhum.