Seleção Uruguaia: Arrascaeta lamenta ausência na estreia da Copa e diz que foi opção do técnico


No empate sem gols entre Uruguai e Coreia do Sul nesta quinta-feira, pela primeira rodada do grupo H na Copa do Mundo, o técnico Diego Alonso optou por Matías Vecino no lugar do meia Arrascaeta, que não saiu do banco de reservas. Após o jogo, o craque do Flamengo afirmou estar 100% e explicou sobre a decisão.

- Bem, 100%. (eu ficar de fora) Aí tem que perguntar para o treinador. Sim, estou bem. É opção do treinador. Graças a Deus tenho melhorado bastante dos problemas que eu tive recentemente e estou 100%. Com certeza (poderia ter jogado). Estreia é sempre um jogo complicado, difícil. É um time difícil. Sabemos que os três jogos são bem disputados. Mas também continuamos dependendo de nós - disse Arrascaeta.

+ Confira tabela da Copa do Mundo

O meia foi o segundo jogador da seleção com mais participações diretas durante as Eliminatórias para o Mundial, com cinco gols e uma assistência em oito jogos. Com a ausência do jogador na partida, os torcedores do Flamengo ficaram indignados nas redes sociais.


O Uruguai somou um ponto na estreia e ocupa a terceira colocação. Portugal está em primeiro com três, seguido da Coreia do Sul, também com um ponto. Gana fecha o grupo com zero.

O próximo compromisso da seleção uruguaia é contra Portugal, na próxima segunda-feira, às 16h (de Brasília), pela segunda rodada da fase de grupos.